Ausência de Robert preocupa o Santos

Geninho já não contava mesmo com a presença do meia Robert no jogo deste sábado, em Americana, quando o Santos enfrenta o Rio Branco. Robert cumpre suspensão automática por ter recebido o segundo cartão amarelo. Mesmo torcendo para que o meia se dê bem na seleção brasileira, o técnico santista está preocupado pois o time perde um jogador importante em partidas que serão decisivas para a classificação no Campeonato Paulista."Apesar de o time encontrar-se na liderança da competição, sabemos que a cada partida a situação se complica, porque serão jogos muito difíceis de agora em diante, de modo que cada ponto vai valer muito", avalia Geninho. Depois de jogar no sábado, contra a seleção dos Estados Unidos, Robert deverá participar no dia 7 da partida contra o México, em Guadalajara. "Espero que dê para o jogador reintegrar-se à equipe do Santos antes do jogo do dia 10, contra o Botafogo, em Ribeirão Preto", torce Geninho.A substituição de Robert, entretanto, não é a única preocupação de Geninho para o jogo contra o Rio Branco, já que Caíco deve entrar em seu lugar. Até o final da tarde desta quarta-feira, o técnico aguardava uma posição do médico Carlos Braga a respeito da situação de Claudiomiro: se o volante terá ou não condições de jogo neste sábado. "Vamos ver até amanhã como fica a situação do volante, porque haverá uma formação com ele e outra sem ele", antecipa o treinador.Geninho não descarta a possibilidade de alterar o esquema tático 3-4-3, mas lembra que tudo "vai depender daquilo que você tem na mão, porque o importante é competir e ganhar os próximos jogos.?Como Pereira também estará fora do jogo de sábado, por cumprir suspensão automática, é provável que Geninho confirme a estréia do zagueiro Rodrigo Costa, que veio do Grêmio para a Vila Belmiro em negociação que envolveu o empréstimo de Rubens Cardoso para o time gaúcho. De qualquer forma, o técnico tem intenção de começar a definir o time nesta quinta-feira, quando o elenco participa de treinamento em dois períodos, às 9 e às 16 horas, no CT Rei Pelé.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.