Austrália estuda apresentar candidatura para Copa de 2018

Animados com o sucesso da seleção australiana de futebol na Copa da Alemanha, que chegou às oitavas-de-final, políticos locais estão avaliando a possibilidade de apresentar uma candidatura para a organização do Mundial de 2018, informou a imprensa local nesta sexta-feira.Os líderes dos governos dos estados de Nova Gales do Sul e Austrália do Sul, respectivamente Morris Iemma e Mike Rann, anunciaram que estão trabalhando em uma proposta que deverá ser apresentada ao Parlamento do governo daquele país, no próximo mês.Iemma, que quer que a final da Copa de 2018 seja realizada no Estádio Olímpico de Sydney, disse que o apoio maciço dos australianos à seleção de futebol, que está participando da Copa da Alemanha, mostrou que o público local se adaptou ao futebol - esporte que geralmente se situa atrás do críquete e do rugby. "Nos sentimos inspirados pelo desempenho extraordinário dos nossos jogadores diante da Croácia".Por sua vez, Rann informou que os estados de Austrália Ocidental, Tasmânia e Victoria também indicaram que apóiam o projeto. A candidatura da Austrália precisará do apoio do governo federal, e o primeiro-ministro da nação, John Howard, já indicou que está aberto à idéia. "A Austrália se destaca na organização de eventos esportivos de importância. Temos muita experiência, como demonstramos nas Olimpíadas de Melbourne (1956) e de Sydney (2000)". Depois da Alemanha, este ano, a próxima Copa do Mundo será realizada na África do Sul, em 2010. O Brasil é candidato para sediar a competição em 2014, quando se espera que a disputa seja realizada em continente americano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.