Austrália não vai à Copa só para fazer número, diz Cahill

O meia Tim Cahill, titular da seleção da Austrália, disse que sua equipe não vai disputar a Copa do Mundo "para ser apenas um número". "Esse é nosso maior momento no cenário mundial, a chance que temos de mostrar do que somos feitos", afirmou o jogador, que atua pelo Everton, da Inglaterra.Para Cahill, um dos motivos pelo qual a Austrália pode surpreender é justamente a boa figura que vários de seus jogadores fazem no futebol inglês. "O mundo está de olho neles o tempo todo", declarou.A Austrália está no Grupo F, o mesmo de Brasil, Croácia e Japão. A estréia será contra os japoneses, no dia 12 de junho, em Kaiserslautern. O confronto com o Brasil, seis dias depois, em Munique. É a segunda Copa da Austrália, que estreou na competição em 1974, também na Alemanha.O técnico Guus Hiddink terá mais dois amistosos para preparar a equipe antes da Copa: contra a Grécia, em Melbourne, no dia 25 de maio, e contra a Holanda, em Roterdã, no dia 4 de junho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.