Saeed Khan/AFP
Saeed Khan/AFP

Austrália usa mensagens de torcedores como incentivo para enfrentar a Dinamarca

Australianos enfrentam dinamarqueses nesta quinta-feira, às 9 horas (de Brasília)

Estadão Conteúdo

19 Junho 2018 | 22h34

A Austrália desembarcou em Samara nesta terça-feira para o confronto diante da Dinamarca, marcado para quinta-feira, às 9 horas (de Brasília), pelo Grupo C. A vitória é primordial para a seleção continuar viva na competição e tentar na última rodada da primeira fase a vaga para as oitavas de final, como ocorreu em 2006. Para isso, conta com o apoio dos torcedores, que enviam mensagens para a o time por meio das redes sociais.

+ Após 'atuação fantástica', jogador revela cumprimento de Thiago Silva à Austrália

+ Australiano critica uso do VAR no jogo com a França: 'Momento mais estranho'

O técnico holandês Bert van Marwijk comandou o último treino em Kazan, antes da viagem a Samara. Ele tenta corrigir os erros apresentados na derrota para a França, por 2 a 1, na estreia do Mundial. Mas a preparação não é só física, técnica e tática. O psicológico dos jogadores também está sendo trabalhado.

O goleiro Danny Vukovic revelou que tem recebido mensagens de incentivo de torcedores australianos. "Sabemos que temos toda a nação atrás de nós para este próximo jogo. Tenho recebido muitas mensagens nas últimas semanas", afirmou o jogador de 33 anos, ao destacar uma declaração especial.

"Recebi uma mensagem legal da Escola Primária de Budgewoi. Eles fizeram um bom pôster com muitas mensagens de apoio para mim pessoalmente, então enviei uma mensagem em vídeo de volta para agradecê-los. O apoio que todos recebemos de está sendo inacreditável", contou o atleta do KRC Genk, da Bélgica.

 

"Todos os jogadores têm mídias sociais e sei que todo mundo tem recebido mensagens de apoio nas últimas semanas e especialmente com nossa performance contra a França", completou o goleiro.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.