Autuori culpa postura do Grêmio por empate no Rio

O técnico Paulo Autuori acredita que a postura do Grêmio nos minutos finais da partida contra o Botafogo fez com que o time sofresse o gol de empate. Para o treinador, a equipe gaúcha deveria ter mantido a posse de bola e controlado o jogo, já que estava em vantagem. Com a igualdade em 3 a 3, o Grêmio segue sem vencer fora de casa no Campeonato Brasileiro.

AE, Agencia Estado

31 de agosto de 2009 | 08h36

"Deveríamos ter segurado mais a bola no campo do adversário, mas isso não tem nada a ver com a saída do Jonas ou a entrada do Makelele. É a terceira vez que a gente deixa de ganhar com um chute de longe. É aí que estamos errando", afirmou Autuori, negando que a saída de um atacante, autor de dois gols, tenha atraído o Botafogo.

O treinador também criticou o excesso de passes errados do Grêmio na partida de domingo. "Era importante fazer o balanço das jogadas. Nós demoramos a fazer isso e, quando fizemos, erramos demais os passes", lamentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.