Washington Alves/Cruzeiro
Washington Alves/Cruzeiro

Auxiliar despista, mas deve promover mudanças no Cruzeiro para pegar a Ponte

Sidnei Lobo não confirmou a escalação para o duelo, antecipado da 28.ª rodada, mas admitiu que fará mudanças

Estadão Conteúdo

06 Outubro 2017 | 15h34

Com Mano Menezes afastado para realizar um tratamento na pele, o auxiliar Sidnei Lobo comandou nesta sexta-feira o último treino do Cruzeiro para o duelo com a Ponte Preta, sábado, no Mineirão. Ele preferiu não confirmar a escalação para o duelo, antecipado da 28.ª rodada, mas admitiu que deverá realizar algumas mudanças na equipe.

Reserva no Cruzeiro, Rafael se sente 'valorizado' por sondagem do São Paulo

"Vamos fazer os últimos ajustes, mas a equipe será a que vem treinando, com algumas poucas mudanças. A equipe está consolidada, comprometida e bem motivada. Ficamos felizes com a conquista, mas já passou. Retomamos forte esta semana, pensando na Ponte Preta. Mesmo que eu esteja no comando, os jogadores sabem que a linha é a do Mano Menezes. E estão comprometidos, sempre procurando dar um algo a mais e buscando o resultado", declarou.

Se depender da equipe que trabalhou no treino desta sexta, as principais novidades serão a presença do goleiro Rafael, na vaga de Fábio, e dos zagueiros Digão e Manoel, nos lugares de Léo e Murilo. Sassá continua fora, por conta de dores no joelho, e dará lugar a Rafael Sóbis. Já Hudson chegou a ser poupado na quinta, mas voltou a treinar nesta sexta e deve jogar.

Se levar a campo a equipe que trabalhou nesta sexta, Sidnei Lobo escalará o Cruzeiro no sábado com: Rafael; Ezequiel, Digão, Manoel e Diogo Barbosa; Hudson, Henrique, Rafinha, Thiago Neves e Alisson; Rafael Sóbis. Independente da escalação, porém, o auxiliar garantiu um time motivado, mesmo após a conquista da Copa do Brasil na semana passada.

"A conquista deixa todo mundo feliz, mas já passou, comemoramos. Agora, temos outros jogos e objetivos. E outra, temos o torcedor que vai ao estádio, nos apoia. Temos de jogar por eles", considerou.

Mais conteúdo sobre:
Cruzeiro Esporte Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.