Jamira Furlani/Divulgação
Jamira Furlani/Divulgação

Avaí bate o Joinville no final e permanece fora da zona de queda

Éverton Silva garante triunfo no clássico, por 2 a 1, aos 42 do 2º

Estadão Conteúdo

18 de novembro de 2015 | 23h45

Com um gol aos 42 minutos do segundo tempo, o Avaí derrotou o Joinville por 2 a 1, nesta quarta-feira, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, no duelo catarinense pela 35.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado manteve o clube da casa fora da zona de rebaixamento e o visitante como lanterna da competição, muito perto da queda à Série B.

Com o resultado positivo, o Avaí chegou aos 38 pontos e continua na 16.ª colocação, a última fora da zona de rebaixamento. Na próxima rodada, no domingo, terá pela frente o Fluminense, em Cariacica (ES). Já o Joinville se complica de vez e permanece na lanterna com 31 pontos. No domingo, encara o Vasco em casa.

O gol do triunfo do Avaí foi marcado aos 42 minutos do segundo tempo com o lateral Éverton Silva. Na primeira etapa, o centroavante André Lima havia aberto o placar no rebote de uma cobrança de pênalti desperdiçada por ele mesmo e Fernando Viana, em lance polêmico, havia deixado tudo igual para o Joinville.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 x 1 JOINVILLE

AVAÍ - Vagner; Nino Paraíba, Antônio Carlos, Emerson e Romário; Claudinei (Éverton Silva), Eduardo Neto, Rudnei (Pablo) e Renan Oliveira; Anderson Lopes e André Lima (Rômulo). Técnico: Raul Cabral.

JOINVILLE - Agenor; Edson Ratinho, Guti, Rafael Donato e Diego; Naldo, Kadu (Danrlei), Lucas Crispim (Edigar Junio), Ítalo e Marcelinho Paraíba (Fernando Viana); Kempes. Técnico: PC Gusmão.

GOLS - André Lima, aos 16, e Fernando Viana, aos 42 minutos do primeiro tempo; Éverton Silva, aos 42 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Antonio Carlos e Eduardo Neto (Avaí); Kadu (Joinville).

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoAvaíJoinville

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.