Avaí empata com Botafogo e avança na Copa do Brasil

Um pênalti polêmico determinou a eliminação do Botafogo na Copa do Brasil. O time carioca estava se classificando para as quartas de final da competição com o placar de 1 a 0, mas, aos 41 minutos do segundo tempo, o árbitro mineiro Ricardo Marques Ribeiro assinalou pênalti duvidoso para o Avaí. O atacante William, então, fez o gol de empate, nesta quarta-feira, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. O 1 a 1 acabou com as chances de o clube alvinegro, recém eliminado do Campeonato Carioca, conquistar um título no primeiro semestre deste ano.

AE, Agência Estado

20 de abril de 2011 | 22h05

Após o apito final, o atacante uruguaio Loco Abreu partiu para cima do meia Marquinhos, do Avaí, iniciando uma grande confusão em campo. Antes do fim da partida, o técnico Caio Júnior, que já tem seu trabalho questionado no clube, foi expulso por reclamação. Com o tropeço desta quarta, o Botafogo se vê forçado a ficar um mês à espera do começo do Campeonato Brasileiro.

Enfrentar o Avaí na Ressacada, geralmente, é complicado. Ainda mais com a obrigação de vencer ou empatar por três ou mais gols - pois no jogo de ida, no Rio de Janeiro, o duelo terminou em 2 a 2 - para seguir vivo na competição nacional. E não é de hoje que a torcida alvinegra cobra a contratação de reforços.

O time sente principalmente a falta de um meio-campista que tenha um passe diferenciado, daqueles que desmontam a zaga e deixa o atacante em plenas condições de marcar. Nesta quarta, o Botafogo até lutou, lançou-se ao ataque mais na base do abafa - não há tanta organização e criatividade -, e saiu na frente com Loco Abreu, aos 27 minutos do segundo tempo.

Com a desvantagem no marcador, o Avaí partiu para o tudo ou nada. Aos 41 minutos, o lateral Lucas e o volante Estrada se chocaram na área do Botafogo e o árbitro marcou pênalti, convertido por William.

Nas quartas de final, o Avaí terá pela frente o vencedor do confronto entre São Paulo e Goiás, que só será definido na próxima semana.

Ficha técnica

Avaí 1 x 1 Botafogo

Avaí - Renan; Felipe (Evandro), Gian, Cássio e Julinho; Diogo (Marquinhos Gabriel), Bruno Silva, Marcinho Guerreiro e Marquinhos; William e Rafael Coelho (Estrada). Técnico: Silas.

Botafogo - Jefferson; Lucas Zen, Fahel e João Felipe (Éverton); Lucas, Arévalo, Marcelo Mattos, Cidinho (Caio) e Bruno Cortês; Herrera (Somália) e Loco Abreu. Técnico: Caio Júnior.

Gols - Loco Abreu, aos 27, e William (pênalti), aos 42 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Diogo Orlando, Bruno Silva e Julinho (Avaí); Herrera (Botafogo).

Árbitro - Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG).

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilAvaíBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.