Avaí goleia o Ceará por 5 a 0 e quebra jejum de vitórias no Brasileirão

Resultado tira o time catarinense da zona de rebaixamento; agora soma 28 pontos

JÚLIO CASTRO, Agência Estado

26 de setembro de 2010 | 20h52

O Avaí rompeu, em grande estilo, o jejum de 10 jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro da Série A. O time catarinense goleou o Ceará por 5 a 0, em partida disputada neste domingo, em Florianópolis.

Veja também:

SÉRIE A - tabela Classificação | lista resultados

O resultado foi o reflexo de um time determinado, que chegou a parar na zona de rebaixamento com os resultados de sábado, mas que terminou a 25ª rodada no 15.º lugar, agora com 28 pontos.

Mesmo com o gramado do Estádio da Ressacada encharcado, o time da casa foi logo dando as cartas. Já no quinto minuto de jogo, o volante Rudnei deu início à goleada completando uma assistência do lateral Pará. Quatro minutos depois, foi a vez de Davi fazer o segundo gol em cobrança de pênalti.

Sem conseguir jogar e completamente envolvido pelo Avaí, o Ceará sofreu o terceiro gol numa jogada individual de Jéferson, aos 17 minutos. O mesmo Jéferson, inspirado, abriu espaço e arriscou aos 33 um chute de fora da área que o goleiro Michel Alves aceitou.

Assustado com o volume de jogo do Avaí, o Ceará iniciou o segundo tempo pressionando, mas logo se deixou envolver. O Avaí marcou o quinto aos 15 minutos, em jogada individual de Davi.

Consolidada a goleada, o time da casa manteve o ritmo diante de um Ceará preso na marcação e com dificuldades de opções para mudar a história do jogo.

"A pressão estava muito grande. Esses jogadores tem plenas condições de dar a volta por cima", disse o técnico Edson de Souza, o "Neguinho", que, de interino deve ser efetivado no cargo de treinador do Avaí em substituição a Antônio Lopes, demitido na semana passada.

O Avaí volta a jogar na quarta-feira, 29, em Volta Redonda, diante do líder do campeonato, o Fluminense. Já o Ceará, que terminou a rodada no 13.º lugar na tabela, com 30 pontos, recebe o Atlético-MG em Fortaleza.

  Avaí - 5 - Zé Carlos; Patric, Gabriel , Emerson e Pará; Diogo Orlando, Rudnei, Jéferson e Davi (Emerson Nunes); Robinho  (Laércio) e Marcelinho (Roberto). Técnico - Edson dos Santos.

  Ceará - 0 - Michel Alves; Oziel , Heleno, Anderson, Ernandes; Michel , João Marcos, Camilo (Careca), Geraldo; Wellington Amorim (Misael), Kempes  (Marcelo Nicácio). Técnico - Dimas Filgueiras.

Gols - Rudnei, aos 5, Davi, aos 9, e Jéferson, aos 17 e aos 32 minutos do primeiro tempo; Davi, aos 13 minutos do segundo tempo.

Árbitro - Rodrigo Nunes de Sá (RJ).

Renda - R$ 10.675,00.

Público - 4.160 presentes.

Local - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato BrasileiroAvaíCeará

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.