André Palma Ribeiro/Avaí F.C.
André Palma Ribeiro/Avaí F.C.

Avaí sonha em voltar do Recife fora da zona de rebaixamento após três meses

Equipe catarinense não perde há cinco rodadas no Campeonato Brasileiro

Estadão Conteúdo

10 de setembro de 2017 | 07h47

O Avaí pode, finalmente, sair da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, às 16 horas, no Recife, vai enfrentar o Sport, no estádio da Ilha do Retiro, pela 23.ª rodada. Se voltar para Santa Catarina com os três pontos na bagagem, o time catarinense pode até atingir o seu objetivo. Para quem não perde há cinco jogos, seria um prêmio deixar a zona de degola após três meses.

"O segredo é manter a mesma pegada, a mesma aplicação e sempre tentar a superação. É ter consciência de nossas limitações e respeitar muito todos os adversários", explicou o técnico Claudinei Oliveira.

Mas a caminhada tem sido dolorosa. Desde que perdeu para o Atlético Mineiro na quinta rodada, por 1 a 0, em Belo Horizonte, o Avaí não sabe o que é estar fora da zona de rebaixamento. São 18 jogos brigando contra as últimas posições do campeonato.

A vitória por 1 a 0 em cima da Chapecoense no último final de semana levou o time aos 25 pontos, na 18.ª posição, igualado com a própria equipe de Chapecó (SC), em 17.º, e com o Vitória, primeiro time fora da degola.

Claudinei Oliveira já adiantou uma mudança no time titular. Sem o zagueiro Alemão, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o lateral-direito Airton deve ser improvisado. Durante a pausa para as Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, o técnico fez o teste. De acordo com ele, o substituto tem tudo para dar conta do recado. Tanto que recebeu muitos elogios. "É técnico, bom no jogo aéreo e também tem velocidade".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.