Avaí surpreende e derrota Goiás no Serra Dourada

Time de Santa Catarina faz 2 a 0 no Serra Dourada e vence a primeira fora de casa no Brasileirão

AE, Agencia Estado

15 de julho de 2009 | 21h31

Lanterna do Brasileirão, o Avaí surpreendeu o Goiás, nesta quarta-feira, no Estádio Serra Dourada, e fez 2 a 0, conquistando a sua segunda vitória na competição. O resultado deixou o time provisoriamente fora da última posição da tabela, agora com 10 pontos. Já os goianos seguem com 14, na zona intermediária da classificação.

 

Veja também:

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Mesmo jogando em casa e diante do lanterna, o Goiás teve dificuldade para mostrar maior volume no início da partida. Com pouca agressividade, os donos da casa deixaram os visitantes equilibrar o jogo nos primeiros minutos.

A melhor chance dos goianos veio aos 17 minutos. Ramalho aproveitou rebote do goleiro Martini e mandou para as redes. O árbitro Heber Roberto Lopes, porém, assinalou impedimento e manteve o placar inalterado.

Somente depois do gol anulado, o time goiano passou a dominar a posse de bola, cercando a área dos visitantes. O Goiás insistia nas jogadas pela esquerda, mas parava na defesa avaiana. Nas poucas boas oportunidades que criava, os anfitriões mostravam fraca pontaria.

O Avaí, por sua vez, se defendia bem, mas jogava com apenas o atacante William mais à frente, isolado. Com a partida equilibrada, os visitantes chegavam mais ao ataque, mas sem levar grande perigo ao gol de Harlei. A melhor oportunidade do Avaí saiu dos pés de Muriqui, aos 25 minutos. O atacante chutou colocado da entrada da área e exigiu boa defesa do goleiro goiano.

O time catarinense voltou melhor no segundo tempo. Logo aos 3 minutos, William escapou pela esquerda e cruzou rasteiro para Muriqui, sem marcação, completar com tranquilidade para as redes.

O gol acordou o Goiás, que passou a atacar de forma desorganizada. Pressionando pelo placar adverso, os donos da casa abriram a defesa para perigosos contra-ataques dos visitantes. Assim, o Avaí chegava com facilidade, com duas boas oportunidades para ampliar o marcador.

Passado o susto, a equipe goiana começou a atacar com mais consistência, sem abrir espaço na defesa. Aos 22, Júlio César recebeu passe de Rafinha, de costas, e mandou à esquerda do gol, assustando Martini. Um minuto depois, o mesmo Rafinha acertou o travessão do Avaí.

O ataque goiano, porém, voltou a mostrar dificuldade na pontaria e desperdiçou boas chances em finalizações do artilheiro Felipe, de fora da área. Recuado, o Avaí parava as jogadas ofensivas dos anfitriões e atacava somente em contra-ataque.

Em um deles, aos 44 minutos, Roberto avançou pelo meio, pegando a defesa goiana desprevenida. O atacante bateu em cima do goleiro Harlei. No rebote, ele apenas completou para o gol vazio, fechando o placar.

Na próxima rodada, o Goiás vai enfrentar o Fluminense, no sábado, no Maracanã. O Avaí visitará o Sport, em Recife, no domingo.

GOIÁS 0 X 2 AVAÍ

Goiás - Harlei; Valmir Lucas, Leandro Eusébio e Ernando; Douglas (Jael), Amaral (Anderson Gomes), Ramalho, Felipe Menezes (Rafinha) e Júlio César; Bruno Meneghel e Felipe. Técnico: Hélio dos Anjos

Avaí - Eduardo Martini; Michel (Luís Ricardo), Augusto, Rafael e Eltinho; Marcus Winícius, Leo Gago, Marquinhos e Ferdinando; Muriqui (Roberto) e William (Caio). Técnico: Silas

Gols - Muriqui, aos 3, e Roberto, aos 44 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos - Bruno Meneghel, Valmir Lucas, Anderson Gomes (Goiás); Marquinhos, Ferdinando (Avaí)

Árbitro - Heber Roberto Lopes (PR)

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.