Felipe Oliveira / EC Bahia
Felipe Oliveira / EC Bahia

Bahia aposta no equilíbrio para superar o Palmeiras no Brasileirão

Enderson Moreira tem opções defensivas e ofensivas em todos setores do meio para o ataque

Estadão Conteúdo

16 Setembro 2018 | 07h28

Rasgando elogios ao adversário, o técnico Enderson Moreira optou por não revelar o esquema tático que o Bahia vai utilizar contra o Palmeiras, neste domingo, às 16 horas, na Fonte Nova, pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele despista sobre as possibilidade usar três volantes, três meias ou três atacantes. Em seu discurso, ele fez questão de "embaralhar" todas as cartas que tem nas mãos.

"A questão de três volantes, podemos usar em determinados jogos. Estou avaliando atuar com três meias ou atacantes.São possibilidades. O Palmeiras não vai ficar atrás se defendendo. A equipe vai argumentar o jogo, criar situações. A gente precisa estar equilibrado em campo", alertou Enderson, que passou a semana preocupado em contornar as baixas.

O time baiano conta com dúvidas e baixas. O zagueiro Tiago reclama de dores na coxa direita, mas seguirá como dúvida, até momentos antes do jogo. Mas Douglas Grolli está recuperado e surge como principal opção. Everson é outra alternativa.

Algumas baixas são certas, como as dos meias Vinícius, que está suspenso, e Allione, que não poderá enfrentar o Palmeiras por questões contratuais. Marco Antônio e Élber devem entrar nas respectivas vagas.

Como perdeu na última rodada para o São Paulo, por 1 a 0, o Bahia precisa pontuar para não correr riscos no futuro. Afinal, soma 28 pontos e continua com a preocupação de se distanciar da zona de rebaixamento. É, inclusive, o time que mais perdeu no returno: quatro vezes.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.