Diuvlgação
Diuvlgação

Bahia apresenta Maxi e Emanuel Biancucchi ao som de tango

Primos de Messi são apostas da equipe para temporada 2014

Agência Estado

13 de janeiro de 2014 | 15h40

SALVADOR - O axé deu lugar ao tango nesta segunda-feira em um hotel de Salvador, onde o Bahia apresentou mais dois reforços para a temporada 2014. Horas antes da entrega da Bola de Ouro da Fifa, em Zurique, o clube tricolor mostrou à sua torcida os recém-contratados irmãos Maxi e Emanuel Biancucchi, primos de Lionel Messi.

Maxi chegou a ser artilheiro do Campeonato Brasileiro/2013 nas primeiras rodadas, com a camisa do Vitória. Mas o meia-atacante não renovou com o clube rubro-negro, dizendo ter tido problemas com alguns membros da diretoria. Apesar disso, a relação dele com o clube foi forte e o argentino deu o nome de Vittoria a uma das filhas.

Se Maxi já atuou em clubes como o Flamengo e o San Lorenzo e está com 30 anos, Emanuel, cinco anos mais novo, construiu a carreira no Munique 1860, na Alemanha. Recentemente passou pelo futebol paraguaio, tendo sendo reserva do Olimpia no vice-campeonato da Libertadores do ano passado.

Também nesta segunda-feira, o Bahia anunciou a contratação do volante Wilson Pittoni, que defende a seleção do Paraguai. Ele também estava no elenco do Olímpia e inclusive marcou um gol contra o Atlético na final da Libertadores, garantindo a vitória no jogo de ida da decisão. Entre 2011 e 2012, o jogador defendeu o Figueirense.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolEC BahiaMaxi Biancucchi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.