Bahia elimina Santos na Vila Belmiro

O Santos pressionou, não foi objetivo e acabou perdendo para o Bahia por 2 a 0, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro. Com o resultado, o time paulista despediu-se da Copa do Brasil, já que havia perdido também o jogo de ida, em Salvador, pelo mesmo placar. Os baianos vão enfrentar nas oitavas-de-final o vencedor do confronto entre Inter-RS e Fortaleza. Já os santistas voltam a jogar no sábado, contra o São Caetano, pelo Campeonato Paulista.Mas o Santos bem que tentou aproveitar-se do fato de jogar em casa para pressionar o Bahia. Mesmo sem contar com a apoio da torcida, que protestou mostrando faixas viradas para baixo, a estratégia funcionou nos primeiros minutos. Léo, aos 15 minutos, teve boa chance. Dentro da área ele driblou dois zagueiros, mas atrapalhou-se no momento da conclusão.Porém, sete minutos depois, o mesmo Léo protagonizou o pior momento do primeiro tempo. Ao tentar conter um contra-ataque baiano, ele fez falta por trás. O árbitro Léo Feldman não teve dúvidas e expulsou seu xará jogador. Sem o apoio pela lateral esquerda e com a dupla de ataque formada por Caio e Deivid pouco inspirada, o Santos levou pouco perigo ao gol de Émerson.O treinador do Santos começou surpreendendo no segundo tempo. Ele colocou o jovem Elano no lugar de Renato. Empolgado, o garoto tentou acelerar o ritmo, mas esbarrou no bom posicionamento da defesa baiana. Aos 20, Geninho decidiu trocar o ataque. Substituiu Caio e Deivid por Dodô e Rodrigão, mas as alterações de nada adiantaram e o vazio entre o meio-de-campo e ataque continuou existindo.As últimas esperanças do Santos acabaram aos 34 e aos 39. Depois de uma péssima saída de bola da defesa, Washington dominou a bola e invadiu a área. O goleiro Fábio Costa fez pênalti, cobrado com perfeição por Alex Oliveira. Ele mesmo, cinco minutos depois, fez bela jogada e, de dentro da área, bateu forte no ângulo esquerdo de Fábio Costa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.