Bahia enfrenta Atlético-GO em clima de decisão

Após a eliminação na Copa Sul-Americana, com duas derrotas por 2 a 0 para o São Paulo, em Salvador e no Morumbi, o Bahia volta a ter todas as atenções voltadas para a tentativa de escapar da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Por isso, a partida deste domingo, contra o Atlético-GO, a partir das 18h30, no Estádio Pituaçu, é encarada como uma decisão pelo time baiano.

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

26 de agosto de 2012 | 08h17

O Bahia está na zona de rebaixamento do campeonato, com apenas 16 pontos, e espera entrar no segundo turno em situação um pouco mais confortável. "Vai ser um jogo muito difícil, contra um adversário direto (o Atlético-GO tem 15 pontos), mas precisamos sair dessa situação", disse o técnico Caio Júnior, prometendo uma reação do time baiano. "Precisamos dar uma resposta ao torcedor."

Os desfalques, porém, continuam dificultando a escalação do Bahia. Para o jogo deste domingo, Caio Júnior terá três ausências: os volantes Diones e Hélder, que vinham sendo improvisados nas laterais, por causa das contusões dos especialistas na posição, estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo, assim como o meia Mancini. As vagas devem ser ocupadas pelos laterais Neto e Jussandro e pelo meia Caio.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.