Bahia joga completo contra o Corinthians

Podendo contar com os meias Neto e Preto (que cumpriram suspensão automática) para a partida diante do Corinthians, nesta quarta-feira, em Salvador, o técnico Evaristo de Macedo do Bahia pode se dar ao luxo até de optar em armar um time com força na marcação ou mais ofensivo. Isso não vinha sendo possível nas partidas anteriores devido a contusões e suspensões de vários jogadores do time. Evaristo sabe que a equipe necessita dos três pontos devido a mais uma derrota sofrida fora de casa, domingo passado contra o Atlético-PR. Se o Bahia, que tem 23 pontos, não vencer certamente irá rondar a zona de rebaixamento. Uma vitória também seria um presente ao técnico que comandará sua 300ª partida dirigindo o Bahia somando todas as vezes que treinou a equipe ao longo de sua carreira. A má campanha fez a direção do clube contratar nos últimos dias dois jogadores: os atacantes Didi (ex-Joinvile) e o meia Possato (ex-Caxias). Além disso negocia a vinda do zagueiro Marinho, que atuou na Ponte Preta e Grêmio. Didi só terá condições de jogo contra o Cruzeiro no fim de semana e Possato para a partida diante do Criciúma, no dia 4 de agosto. O técnico Evaristo de Macedo disse que irá esperar a escalação do Corinthians para definir o Bahia, que pode entrar mais ofensivo com o meia atacante Danilo no lugar de Preto.

Agencia Estado,

22 de julho de 2003 | 14h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.