Edson Ruiz/Divulgação
Edson Ruiz/Divulgação

Bahia luta para encostar nos primeiros do Brasileirão

Após vitória na Sul-Americana, equipe reencontra a Portuguesa no Canindé

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

31 de agosto de 2013 | 08h49

Três dias depois de ter eliminado a Portuguesa, com um empate sem gols, em Salvador, pela Copa Sul-Americana, o Bahia volta a enfrentar a mesma equipe neste sábado, a partir das 18h30, no Canindé, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro.

As circunstâncias, porém, são diferentes, já que tanto Bahia quanto Portuguesa pouparam jogadores na partida da Sul-Americana. Para o time baiano, é a chance de encostar no pelotão de frente do Brasileirão - está em sétimo lugar, com 23 pontos.

"Vai ser um jogo complicado, a Portuguesa estará bastante modificada e, pelo que já vi, eles têm jogado bem", avaliou o técnico Cristóvão Borges, lembrando que o rival deste sábado luta para sair da zona de rebaixamento do Brasileirão.

O treinador do Bahia não confirmou a escalação, mas a única alteração com relação ao time que venceu o Náutico, no último domingo, pelo Brasileirão, deve ser a ausência do zagueiro Titi. O jogador foi suspenso por quatro partidas, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por uma cotovelada em Elano no jogo contra o Grêmio, no dia 11 de agosto. Assim, Rafael Donato e Demerson disputam a vaga entre os titulares.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.