Bahia recebe reservas do Grêmio para encerrar jejum de vitórias e fugir da degola

Preocupado com o setor ofensivo e buscando uma mudança nos resultados da equipe, Preto Casagrande deve tirar Rodrigão

Estadao Conteudo

24 de setembro de 2017 | 07h59

Há três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, o Bahia recebe o Grêmio preocupado em não terminar a 25ª rodada na zona de rebaixamento. A partida será disputada neste domingo, às 19 horas, na Fonte Nova, em Salvador.

O time baiano vem de duas derrotas e um empate nas últimas partidas. O técnico Preto Casagrande demonstrou preocupação com as fracas atuações, especialmente do setor ofensivo, que marcou apenas duas vezes nesses três jogos. Por isso, deve tirar o centroavante Rodrigão e dar uma oportunidade a Edigar Junio ou Hernane.

Para a partida, o treinador não contará com o zagueiro Jackson, o volante Renê Júnior e os laterais Wellington Silva e Armero, todos em recuperação de lesões.

A boa notícia para o Bahia é que o Grêmio entrará em campo com um time reserva pois vem de classificação para as semifinais da Copa Libertadores - na última quarta-feira, venceu o Botafogo por 1 a 0 e avançou na competição continental. Apesar de enfrentar um adversário desentrosado, Preto Casagrande minimizou possível vantagem da sua equipe.

"A gente tem atenção e cuidado independente da equipe que o Renato coloque em campo. Eles não têm só um grande time, mas um elenco muito qualificado. A concentração é fundamental, a organização também", analisou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBahia [Esporte Clube Bahia]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.