Felipe Oliveira / EC Bahia
Felipe Oliveira / EC Bahia

Bahia x Independiente é adiado por um dia após jogadores testarem positivo para covid-19

No aeroporto, a Anvisa barra Insaurralde e os reservas Adrián Arregui e Pablo Hernández por testarem positivo no exame PCR

Redação, Estadão Conteúdo

04 de maio de 2021 | 09h50

A partida entre Bahia e Independiente, da Argentina, prevista pela Copa Sul-Americana para esta terça-feira, no Estádio de Pituaçu, em Salvador, pela terceira rodada do Grupo B, foi adiada. O adiamento foi decidido pela Conmebol após jogadores do time argentino testarem positivo para a covid-19 ao chegarem ao Aeroporto Internacional Antônio Carlos Magalhães, na capital baiana, na noite de segunda-feira.

No aeroporto, a Anvisa barrou Insaurralde e os reservas Adrián Arregui e Pablo Hernández por testarem positivo no exame PCR a que toda a delegação do Independiente se submeteu. Só que o trio já havia testado negativo nos exames feitos dias antes da viagem, como recomenda o protocolo da Conmebol.

O clube argentino apelou à Confederação Sul-Americana e a dirigentes do Bahia para resolver o imbróglio, que se estendeu pelo menos até a madrugada, sem liberação dos atletas.

Após mais de seis horas de espera, uma parte do time foi descansar em um hotel e outros jogadores continuaram no aeroporto, "detidos". No Twitter, o perfil oficial do time argentino afirmou que estava sendo "maltratado sem motivo". "O que aconteceu, alheio ao Independiente, gerou um atraso insustentável, alterando a rotina e o restante da nossa equipe antes de um jogo", informou o clube em seu perfil oficial.

O Independiente disse ainda que espera que a situação ajude a evitar situações como esta no futuro. "Esperamos que este tipo de inconveniente não volte a acontecer e que sirva de precedente para futuras ocasiões que envolvam tanto a nossa instituição quanto quem participa de um campeonato internacional", completou.

Em comunicado oficial, horas depois, a Conmebol disse que a partida será disputada nesta quarta-feira, com horário ainda a ser confirmado. O Independiente é o líder da chave na Copa Sul-Americana, com seis pontos. O Bahia está em segundo lugar, com quatro. O Montevideo City Torque, do Uruguai, ocupa a terceira posição, com um ponto, e o Guabirá, da Bolívia, está zerado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.