Kirill Kudryavtsev/AFP - 18/9/2015
Kirill Kudryavtsev/AFP - 18/9/2015

Baixa procura por ingressos para Copa das Confederações preocupa dirigente russo

Foram vendidos 211.475 bilhetes no primeiro lote

Estadão Conteúdo

11 de abril de 2017 | 15h22

O vice-primeiro-ministro da Rússia, Vitaly Mutko, que fiscaliza os preparativos para a Copa das Confederações, se mostrou preocupado nesta terça-feira com a baixa procura por ingressos para o torneio que será disputado 17 de junho e 2 de julho deste ano.

"Existem preocupações sobre os bilhetes vendidos", admitiu a autoridade russa em comentários divulgados pela agência de notícias estatal R-Sport. "Esperamos que a situação melhore", completou Vitaly Mutko, lembrando que mais pontos de venda serão abertos na próxima semana.

O número de bilhetes vendidos no primeiro lote (211.475), divulgado recentemente pela Fifa, ficou abaixo das expectativas da entidade. A segunda fase de vendas começa no próximo dia 19. Um total de 695 mil ingressos serão comercializados.

Até agora, os torcedores russos compraram a maioria das entradas. Os chilenos estão em segundo lugar no interesse pelo torneio - já adquiriram sete mil bilhetes.

Outro temor do governo russo é o estado do gramado do estádio que deverá receber a final da competição, em São Petersburgo. O CEO do Zenit, clube da cidade, Maxim Mitrofanov, disse que a grama original teve problemas e que os funcionários do clube vão trocá-la antes de o estádio receber a próxima partida do time local contra o Ural Yekaterinburg, no dia 22 de abril.

"A grama não está crescendo da melhor maneira", disse Maxim Mitrofanov ao site de notícias Fontanka. O CEO do Zenit também relacionou o atraso na entrega do campo com problemas no acabamento do sistema técnico do teto retrátil do estádio.

A arena foi construída com um campo removível que pode ser retirado para obter melhores condições para o crescimento da grama. No entanto, o dirigente do Zenit disse que a medida não é uma boa opção para a Copa do Mundo, pois o Comitê Organizador da competição vetou a construção de estruturas temporárias no lado externo do estádio.

A arena de São Petersburgo foi vítima de atrasos e aumentos de custos durante as obras, concluídas oficialmente em dezembro do ano passado.

A Copa das Confederações deste ano terá dois grupos de quatro seleções. O Grupo A terá México, Nova Zelândia, Rússia e Portugal. O Grupo B vai abrigar Alemanha, Austrália, Camarões e Chile.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.