Nelson Almeida/AFP
Nelson Almeida/AFP

Balbuena lamenta falta de efetividade e minimiza derrota do Corinthians

“Criamos várias situações para marcar, mas o goleiro fez ótima defesa e a bola não quis entrar"

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

25 Maio 2018 | 00h37

Capitão do Corinthians na derrota por 1 a 0 para o Millonarios, nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, pela Libertadores, o zagueiro Balbuena destacou o fato da equipe ter conseguido criar boas oportunidades de marcar, mas parou nas mãos de Fariñez e lamentou a falta de efetividade.

+ Veja como foi o jogo em Itaquera

“Criamos várias situações para marcar, mas o goleiro fez ótima defesa e a bola não quis entrar hoje (quinta-feira). A gente fica chateado, mas estamos classificados”, destacou o paraguaio. “Temos que melhorar nesse tipo de jogo”, completou, em entrevista para a Fox Sports.

O defensor minimizou a troca de Osmar Loss por Fábio Carille, que foi para o Al-Wehda, da Arábia Saudita. “A gente não tem que pensar em nada. Temos que respeitar como respeitávamos o Carille. Sabemos da qualidade do Osmar e o grupo é bom”, completou o defensor.

Apesar da derrota, o Corinthians terminou a fase de grupos como líder do grupo 7, com dez pontos. O adversário das oitavas será conhecido em sorteio que será realizado no dia 4 de junho. Todos os primeiros colocados ficarão de um lado do sorteio e os segundos em outro.

Passaram em primeiro dos grupos os seguintes times: Grêmio, Colo-Colo-CHI, Libertad-PAR, River Plate-ARG, Cruzeiro, Santos, Corinthians e Palmeiras. Em segundo ficaram Cerro Porteño-PAR, Atlético Nacional-COL, Atlético Tucumán-ARG, Flamengo, Racing-ARG, Estudiantes-ARG, Independiente-ARG e Boca Juniors-ARG.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.