Bangu e Fluminense fazem jogo decisivo pela Taça Rio

A quarta rodada da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca, começa neste sábado e dois times que buscam uma das vagas para as semifinais se enfrentam no estádio João Havelange, o Engenhão, às 18h30. Bangu e Fluminense ocupam a mesma colocação em seus respectivos grupos e uma vitória deixa qualquer um dos times bem próximos da classificação.

FABIO LACERDA, Agencia Estado

21 de março de 2009 | 08h54

Anteriormente marcado para Moça Bonita, Bangu e Fluminense entram em campo revitalizando uma rivalidade marcada pela decisão do Campeonato Carioca em 1985. Há 24 anos não havia favoritismo e na para o atacante Fred esse panorama não foi modificado para a partida deste sábado.

?Não concordo com esse negócio de favoritismo. O Bangu tem uma equipe de qualidade e vai querer ganhar da gente. Eles não vão entrar respeitando, da mesma forma que nós também vamos entrar para ganhar?, disse o mais novo ?xodó do clube tricolor, exaltando as condições do estádio localizado no bairro Engenho de Dentro, subúrbio do Rio.

Desfalcado, o Fluminense, que não contará com Leandro Bomfim (estiramento na coxa direita) e Diguinho (pneumonia), sofreu mais duas baixas. Fernando Henrique e Leandro foram suspensos por dois jogos.

Os alvirrubros vivem situações antagônicas no Campeonato Carioca. Após uma campanha vexatória no primeiro turno, a equipe dirigida pelo ex-ponta-direita do Botafogo, Mazolinha, está mais firme do que nunca em busca de uma vaga no Grupo B. O Bangu tem a segunda melhor defesa do seu grupo, assim como o Fluminense.

Douglas Silva, um dos jogadores mais experientes do Bangu, revela alguns motivos que levaram a equipe a crescer de produção no segundo turno. Para o meia, que completou 29 anos no último domingo, a inserção de atletas tarimbados permitiu uma evolução técnica e tática.

?Mudamos a postura com as chegadas do Tiano e Marcão, que nos ajuda a sustentar a proteção da defesa. Eles fizeram com que o relacionamento extracampo se tornasse primordial. Temos um time jovem, muitos desses jogadores estão estreando na Primeira Divisão carioca e acreditamos que possamos vencer o Fluminense para continuar a buscar a classificação e, simultaneamente, livrar o Bangu do risco de retornar à Segunda Divisão?, disse Douglas, garantindo que o Bangu não vai mudar o esquema de jogo para segurar Thiago Neves, Fred & Cia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.