Barbarense: luta agora é por dignidade

O União Barbarense enfrentará o Santos, pelas quartas-de-final do Campeonato Paulista, sem nenhuma obrigação de vencer. O próprio presidente da União Barbarense Ltda - empresa que administra o futebol no clube -, Marcos Lucena, o Magu, encarou a classificação como um objetivo cumprido. "Passar a próxima fase já foi a realização de nossa meta. Agora, enfrentaremos o Santos lutando pela nossa dignidade", disse o dirigente. Ele ainda deixou claro que cumprirá a promessa de pagar uma premiação pela classificação. "Foi combinado que 50% do valor da renda que for repassado ao União será destinado aos jogadores", respondeu o meia Fernando. Após uma reunião entre os representantes dos oito clubes classificados, nesta segunda-feira, ficou decidido que o vencedor ficará com 60% da renda nas quartas-de-final. Caso a decisão vá para os pênaltis, os times ganharão 50% cada. Para o jogo de domingo contra o Santos, o técnico Sérgio Farias terá alguns desfalques. Os volantes Wilton Batata e Felipe, suspensos pelo terceiro amarelo e por expulsão, respectivamente, estão fora. O atacante Wesley Brasília se recupera de uma lesão na coxa esquerda e é dúvida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.