Barbarense terá volta de 2 titulares

O União Barbarense tem uma difícil decisão no domingo, diante do Rio Branco, no clássico regional do Campeonato Paulista da Série A-1. Além de não poder perder mais pontos se quiser manter vivas as chances de continuar na primeira divisão, o time do técnico Roberval Davino luta para continuar liderando os confrontos contra o rival.Desde que voltou para a Série A-1, em 1999, o União já enfrentou o Rio Branco em seis oportunidades. Foram quatro vitórias e apenas duas derrotas, que estão motivando ainda mais os jogadores de Santa Bárbara d´Oeste. "Será uma partida boa de se jogar e, se sobrar, vamos tentar fazer um gol. A partida também vai mexer ainda mais com os torcedores, já que o Rio Branco tenta a classificação e o União Barbarense precisa da vitória para fugir do rebaixamento. Só a vitória nos interessa", destacou o volante Henrique, que participou de todos os clássicos contra o rival.A única dúvida do técnico Roberval Davino é o substituto do zagueiro Émerson, que não joga por estar suspenso. "Posso optar por uma defesa com dois zagueiros ou avaliar a possibilidade de utilizar o Leandro ou o Toninho, mantendo três zagueiros", despistou o treinador. As novidades são as voltas do volante Eduardo e do lateral Marquinhos, que estavam suspensos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.