Barbieri esconde escalação do Red Bull Brasil para jogo contra o Corinthians

Após realizar uma grande campanha na primeira fase, o Red Bull Brasil desafia o Corinthians nas quartas de final do Paulistão. O técnico Maurício Barbieri sabe das dificuldades que encontrará no Itaquerão, neste sábado, a partir das 16h20, e por isso guardou a sete chaves a escalação da equipe. A única certeza é a ausência de Willian Rocha, expulso na derrota para o Ituano pelo placar de 3 a 1, na última rodada classificatória.

Estadão Conteúdo

15 de abril de 2016 | 20h12

Para a lateral esquerda, o treinador tem duas opções. A tendência é que Breno Lopes atue pelo setor. Existe uma possibilidade, porém, de Nando Carandina ser deslocado para ala, fazendo com que Luan ganhe uma vaga no meio de campo, que deve ter também Willian Magrão e Thiago Galhardo.

No ataque, outra modificação. Edmilson volta ao banco de reservas, enquanto Igor Sartori forma o trio ofensivo com Roger e Misael, conforme Barbieri esboçou nos últimos treinamentos.

Azarão neste confronto de sábado, o Red Bull Brasil ficou na vice-liderança do Grupo D do Paulistão, com 22 pontos, 13 atrás do Corinthians, que foi o time de melhor campanha na primeira fase da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.