Marco Bertorello/AFP
Marco Bertorello/AFP

Barça empata com a Juventus, garante ponta e vai às oitavas da Liga dos Campeões

Catalães asseguram vaga no mata-mata do torneio após empate por 0 a 0, em jogo fora de casa

Estadão Conteúdo

22 Novembro 2017 | 20h06

Em um jogo de poucas emoções em Turim, o Barcelona segurou um empate por 0 a 0 com a Juventus, nesta quarta-feira, e garantiu classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa com uma rodada de antecipação. O resultado deixou a equipe espanhola com 11 pontos e também já com a liderança do Grupo D assegurada até o fim desta fase, enquanto o time italiano seguiu na vice-liderança, com oito pontos, e jogará para confirmar a sua ida às oitavas na rodada derradeira desta chave.

+ TEMPO REAL - Juventus 0 x 0 Barcelona

+ Neymar marca dois, PSG faz sete no Celtic e continua soberano na Liga dos Campeões

O Barça não pode mais perder o topo do Grupo D pelo fato de que o primeiro critério de desempate da Liga dos Campeões é o confronto direto, sendo que a Juventus foi batida por 3 a 0 pelo time de Lionel Messi em sua estreia nesta edição da competição continental.

Assim, agora restará apenas a definição do segundo colocado desta chave na rodada final, marcada para o próximo dia 5 de dezembro, quando o Barcelona receberá o Sporting no Camp Nou e a Juventus terá pela frente o Olympiacos, na Grécia.

+ Com arbitragem polêmica e 2 gols de Willian, Chelsea goleia fora e vai às oitavas

Surpreendentemente, o Barcelona foi a campo nesta quarta sem Messi entre os titulares. O astro argentino só foi ser utilizado pelo técnico Ernesto Valverde a partir dos 10 minutos do segundo tempo, quando substituiu Deulofeu, que inicialmente herdou a vaga aberta pelo atacante entre os 11 que começaram o duelo pelo time espanhol.

Sem o seu principal astro, o Barça sofreu para criar jogadas, mas por outro lado não sofreu muito na parte defensiva. Os maiores sustos à equipe visitante nesta primeira etapa aconteceram em finalizações do argentino Dybala, sendo que uma delas exigiu boa defesa de Ter Stegen e outra passou muito perto da meta do goleiro alemão.

Pelo lado do Barça, Rakitic chegou a acertar a trave em uma cobrança de falta na qual o brasileiro Paulinho desperdiçou oportunidade de empatar com uma cabeçada no rebote. O volante ainda seria punido com um cartão amarelo por tentar simular um pênalti.

A etapa final, ainda mais truncada do que a primeira, teve um Barcelona com menos pressa em campo e sabendo que o empate já lhe garantiria a classificação e o topo da chave. Já a Juventus, em busca do triunfo que também lhe daria a vaga antecipada, só conseguiu chegar com mais perigo ao gol de Ter Stegen nos últimos dez minutos, com Douglas Costa quase abrindo o placar em forte finalização e depois com Dybala exigindo uma ótima defesa de Ter Stegen em chute que foi no cantinho baixo do goleiro.

Messi, com pouco tempo para mostrar serviço, só apareceu com algum destaque em uma cobrança de falta que passou perto da trave do goleiro Buffon, aos 18 minutos. Mas a atuação discreta do astro não fez diferença, pois o Barça assegurou seu avanço às oitavas de final como líder do Grupo D.

EM PORTUGAL

No outro duelo desta penúltima rodada do Grupo D da Liga dos Campeões, o Sporting soube aproveitar o fator campo com tranquilidade ao bater o Olympiacos por 3 a 1, em Lisboa, e chegar aos sete pontos na terceira posição.

Os dois primeiros gols do triunfo da equipe portuguesa foram marcados no primeiro tempo. O atacante holandês Bas Dost abriu o placar aos 40 minutos e, pouco depois, aos 43, o meia brasileiro Bruno César ampliou ao roubar a bola de um defensor na saída de bola adversária e finalizar para fazer 2 a 0.

Na etapa final, Bas Dost marcou mais uma vez e praticamente matou o jogo para o Sporting, que assim se manteve vivo na luta pela classificação às oitavas de final. Já o Olympiacos, que tem apenas um ponto e descontou com um gol de Vadis Odjidja-Ofoe, está eliminado e também não tem mais chances de terminar em terceiro lugar, o que lhe garantiria um posto na continuidade desta edição da Liga Europa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.