Barça garante que não libera Rivaldo

O Barcelona não pretende abrir mão de Rivaldo. Palavra de Joan Gaspart, presidente do clube espanhol. O dirigente garantiu, nesta quinta-feira, que vai manter o astro brasileiro no elenco, para a temporada de 2001/2002, além de buscar reforços. "Rivaldo não sai daqui", repetiu o cartola, em mais uma tentativa de abafar comentários de que o jogador estaria na mira de clubes como Milan, Manchester United e Newcastle. "Não só ele fica como já estamos em contato com mais de 20 atletas que poderão ser contratados para esta e para outras temporadas. E para trazer novos profissionais não precisamos abrir mão de Rivaldo", revelou o presidente. Um dos interessam é o meia Saviola, do River Plate. Mas, segundo Gaspart, há representantes do clube "girando o mundo" em busca de talentos. "Mas há uma grande diferença entre observar jogadores e contratá-los", esclareceu o dirigente. "Se conversamos com um clube, não significa necessariamente que tenhamos fechado negócio." Gaspart não deve preocupar-se apenas com Rivaldo. O holandês Kluivert e o espanhol Guardiola receberam propostas e podem sair no meio do ano. Kluivert tem contrato até o ano que vem e Guardiola fica sem contrato em julho. Além deles, está em discussão o futuro do técnico Serra Ferrer. O trabalho do treinador tem sido contestado e, se sair, uma das alternativas será o argentino Hector Cúper, que dirige o Valencia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.