Barça não merecia ter eliminado Chelsea, diz Cristiano Ronaldo

Atacante português acredita que rival inglês foi prejudicado na semi diante clube espanhol, no Stamford Bridge

EFE,

28 de maio de 2009 | 12h02

O português Cristiano Ronaldo, do Manchester United, disse que o Barcelona não merecia ter eliminado o Chelsea nas semifinais da Liga dos Campeões, e reconheceu que "tudo foi mal" na decisão do torneio, em que sua equipe foi derrotada, nesta quarta-feira, por 2 a 0, pelos espanhóis.

Veja também:

especial ESPECIAL - Barcelona, de volta ao topo

video TV ESTADÃO - O título do Barcelona na final da Liga dos Campeões

mais imagens Galeria de fotos da final da Liga dos Campeões 08/09

"Já tenho experiência para suportar a pressão. Mas é sempre ruim perder, seja contra o Chelsea ou o Barcelona, que também teve um pouco de sorte, já que não merecia ter vencido a semifinal contra o Chelsea", disse o meia-atacante em entrevista exibida pela emissora de TV portuguesa "RTP".

Cristiano Ronaldo assinalou que na final "tudo deu errado, inclusive em nível técnico", mas acrescentou que "também é importante dar mérito ao Barcelona".

Além disso, explicou que não se sentiu "pressionado, nem perturbado" com as comparações coma estrela argentina do Barça, Lionel Messi, que marcou o segundo gol da partida, praticamente garantindo o título aos espanhóis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.