Toni Albir/EFE
Toni Albir/EFE

Barça perde a segunda seguida e deixa liderança do Espanhol

O jogo deste sábado marca a estreia de Luis Suárez no Camp Nou e o reencontro do técnico Luis Enrique com o Celta

Estadão Conteúdo

01 de novembro de 2014 | 19h17

O Barcelona ainda não se recuperou da derrota para o Real Madrid, no superclássico do fim de semana passado. Neste sábado, o time catalão parou no travessão e no bom goleiro do Celta e acabou sendo derrotado por 1 a 0, diante de sua torcida, no Camp Nou. O segundo revés seguido custou ao time de Neymar e Lionel Messi a liderança do Campeonato Espanhol.

Antes do clássico, o Barcelona exibia boa vantagem na primeira colocação na tabela. Mas a derrota por 3 a 1 e o revés deste sábado fizeram a equipe estacionar nos 22 pontos. Agora os catalães ocupam somente a terceira colocação, atrás dos 24 pontos do Real e dos 23 do Atlético de Madrid.

O jogo deste sábado marcou a estreia de Luis Suárez no Camp Nou e o reencontro do técnico Luis Enrique com o Celta, time que comandou nas temporadas passadas. E, com o uruguaio em campo, o Barcelona dominou o primeiro tempo. Mesmo exibindo falhas e desentrosamento, o time da casa criou boas chances, mas parou nas boas defesas do goleiro Sergio Alvarez.

No segundo tempo, o Celta resolveu sair para o jogo, mais confiante depois de segurar bem o favorito na etapa inicial. E, aos 10 minutos, os visitantes aproveitaram falha da zaga, com direito a um vacilo de Daniel Alves, e marcaram o único gol da partida, com Joaquin Larrivey.

Depois do gol, o Barcelona partiu para o ataque desesperadamente. Neymar se movimentava bem e já se articulava bem com Suárez. O uruguaio, contudo, ainda penava para se acertar com Messi em campo. Ainda assim, os anfitriões levavam perigo à zaga rival. Foram quatro bolas no travessão.

A trave e o goleiro Sergio Alvarez asseguraram o resultado histórico para o Celta, que aparece na sexta colocação da tabela do Espanhol, com 19 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.