Barcelona decepciona na estréia do Espanhol e perde

Derrota para o Numancia reacende problemas do time catalão, que tenta voltar às conquistas

EFE

31 de agosto de 2008 | 17h02

O Barcelona começou mal no Campeonato Espanhol ao perder de 1 a 0 para o Numancia, fora de casa, em partida no estádio de Los Pajaritos, pela primeira rodada. A vitória do Numancia veio logo aos 12 minutos de jogo, quando Mario fez 1 a 0. Dê seu palpite no Bolão Vip do LimãoTambém neste domingo, o atacante Luís Fabiano deixou sua marca no empate em 1 a 1 do Sevilla com o Racing Santander, também longe de sua torcida. Após cobrança de falta, Kanouté desviou de cabeça e deixou o brasileiro em condições de marcar aos 25 minutos da segunda etapa, com um chute forte e rasteiro. O lateral Adriano, companheiro de Luis Fabiano, também quase marcou dois minutos depois. Ele bateu e obrigou o goleiro Toño a fazer grande defesa. Contudo, o time cedeu o empate. Juanjo, que havia entrado há pouco tempo no jogo, substituindo Jorge López, fez para o Racing aos 30, de cabeça. Outro brasileiro que confirmou a boa fase foi o meia naturalizado Marcos Senna, do Villarreal. Em cobrança de falta, ele balançou as redes no empate em 1 a 1 entre sua equipe, atual vice-campeã espanhola, e o Osasuna. Aos 24, Nekounam, de pênalti, igualou o marcador e deu números finais à partida, na casa do Osasuna. Já o Atlético de Madri fez a festa de sua torcida no Vicente Calderón ao golear o Málaga por 4 a 0. Destaque para o uruguaio Forlan, que marcou dois, aos 38 minutos e aos 43, todos na primeira etapa. Quem abriu o placar foi Heitinga, aos 26. O último do Atlético foi de Pongolle, faltando dez minutos para o fim. Outro a vencer foi o Almería, que visitou o Athletic de Bilbao e não tomou conhecimento do adversário, vencendo por 3 a 1 mesmo jogando no estádio San Mamés. A equipe abriu 2 a 0 no marcador só no primeiro tempo, com Pellerano aos sete minutos e Negredo, aos 33. O terceiro do Almería foi feito por Ortiz, aos seis minutos da segunda etapa. Martinez diminuiu para o Athletic de Bilbao aos 12, mas a reação não passou disso. O Betis também estreou mal no torneio ao perder dentro de casa para o Recreativo Huelva por 1 a 0. O gol foi marcado por Adrian, aos 36 minutos. O Getafe, que também atuou como visitante, venceu o Sporting Gijón por 2 a 1. Albin fez o primeiro para o Getafe logo aos 14 minutos. O Gijón foi em busca da igualdade e conseguiu aos 35 do primeiro tempo, com Castro. A vitória do time de Madri só foi garantida aos 41 minutos do segundo tempo, quando Casquero balançou as redes.

Tudo o que sabemos sobre:
FC BarcelonaCampeonato Espanhol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.