Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Barcelona derrota Espanyol no fim e sobe para terceiro

Clássico da cidade foi marcado por brigas entra as torcidas, expulsão e pênalti no final do jogo

AE, Agencia Estado

27 de setembro de 2008 | 19h36

O Barcelona precisou de um pênalti no último lance da partida contra o Espanyol, neste sábado, para conseguir a vitória por 2 a 1, de virada, e alcançar a terceira posição no Campeonato Espanhol. Além da dificuldade do Barça para vencer, o jogo ficou marcado por uma paralisação de dez minutos, provocada pela briga de torcidas no Estádio Olímpico de Montjuic.  Veja também: Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão  Calendário / Resultados / Classificação Aos 20 minutos da etapa final, o Espanyol vencia por 1 a 0, mas estava com um jogador a menos, depois que o atacante brasileiro Nenê recebeu o segundo cartão amarelo no último minuto do primeiro tempo e foi expulso. Motivada pela rivalidade local, já que os dois times são de Barcelona, a torcida do Barça atirou morteiros em direção aos torcedores adversários. O árbitro do jogo percebeu a insegurança provocada por alguns membros de uma facção radical, e decidiu paralisar a partida.No retorno, o Barcelona voltou melhor. Aos 41 minutos, o francês Thierry Henry empatou o jogo em 1 a 1. Quando o cronômetro já marcava 54 minutos, devido à paralisação, o arbitrou assinalou um pênalti para o Barça. O argentino Messi foi para a cobrança e não desperdiçou, deixando o time catalão com dez pontos, na terceira posição do Espanhol.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.