Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Barcelona dispara na liderança

O Barcelona lidera com folga o Campeonato Espanhol, ainda mais depois do tropeço deste domingo do Valencia, que perdeu para o Sevilla por 2 a 1 (o brasileiro Júlio Baptista fez um gol). E com a vitória de sábado sobre o Espanyol por 1 a 0, a equipe catalã igualou sua marca histórica de melhor começo de temporada, com seis vitórias e um empate. O retrospecto mostra que o Barça, nessas ocasiões, sempre garantiu, pelo menos, o vice-campeonato.Nas temporadas 1929-30, 1955-56 e 1972-73 a equipe teve um início parecido e acabou em segundo lugar do torneio. Já nas edições de 1958-59, 1990-91 e 1997-98, este bom arranque se traduziu no título ao final do campeonato. "A equipe está muito bem", comenta o atacante camaronês Samuel Etoo, que perdeu algumas chances contra o Espanyol e assumiu que não foi bem.Na quarta, a equipe estará na Itália, onde enfrentará o Milan, no estádio San Siro, pela Copa dos Campeões. E o técnico Frank Rijkaard resolveu inovar na preparação do elenco. Hoje, os jogadores trocam as bolas pelas raquetes e jogam tênis por uma hora e meia. O treinador acha que esta é uma boa maneira de o elenco se descontrair para um confronto tão importante.Já no Real Madrid, a situação não é tão confortável. A equipe está nove pontos atrás do rival Barcelona no Espanhol e tem amanhã, pela Copa dos Campeões, uma partida complicada em casa contra o Dinamo Kiev, líder do grupo B com 6 pontos. Mesmo com todas as estrelas, a equipe ainda não deslanchou na torneio europeu, muito menos na competição nacional.O Valencia, que enfrenta a Inter de Milão na quarta pela Copa dos Campeões, mesmo com o tropeço em casa, se mantém na segunda colocação, cinco pontos atrás do Barcelona. Quem festejou foi o Sevilla, que também tem 14 pontos e divide a segunda posição. Aitor Ocio fez um gol contra e abriu o marcador para o time da casa, aos 14 minutos do segundo tempo. Mas o Sevilla empatou com Júlio Baptista seis minutos depois e Carlos Aranda fez o gol da virada aos 37. A partida foi marcada por muitas jogadas duras e três atletas foram expulsos: Baraja, Daniel Alves e o próprio Aranda.Juan Soler, presidente do Valencia, disse que poderá apresentar um recurso no Comitê de Competição por causa da expulsão de Aranda. O jogador do Sevilla foi substituído, mas voltou a campo e acabou levando o vermelho.Outro brasileiro que também fez bonito foi o atacante Sávio. Ele fez o gol da vitória do Zaragoza sobre o Real Sociedad por 2 a 1, seu quarto na competição. Os artilheiros do Campeonato Espanhol são Samuel Etoo (Barcelona), o búlgaro Manchev (Levante), o sérvio Milosevic (Osasuna) e o italiano Di Vaio (Valencia), todos com cinco gols.Confira os outros resultados: Athletic Bilbao 1 x 0 Málaga; Atlético de Madrid 1 x 0 Racing Santander; Numancia 1 x 3 Levante; Osasuna 3 x 2 Albacete; e Mallorca 1 x 1 Villarreal.

Agencia Estado,

17 de outubro de 2004 | 19h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.