Joan Monfort/AP Photo
Joan Monfort/AP Photo

Barcelona empata com Slavia Praga e decepciona em casa pela Liga dos Campeões

Resultado pressiona ainda mais o trabalho do técnico Ernesto Valverde

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de novembro de 2019 | 17h34

O Barcelona estendeu para a Liga dos Campeões suas atuações irregulares do Campeonato Espanhol. Sem o atacante uruguaio Suárez, o time catalão ficou no empate sem gols com o Slavia Praga, nesta terça-feira, no Camp Nou, que recebeu 67.023 espectadores, algumas centenas deles do clube da República Checa, que festejaram o resultado como se fosse a conquista de um título.

A igualdade por 0 a 0 deixou o Barcelona com oito pontos na liderança do Grupo F da competição continental, enquanto a equipe visitante somou apenas o segundo ponto e permaneceu na lanterna. Com quatro pontos cada antes do início da quarta rodada desta chave, Borussia Dortmund e Inter de Milão se enfrentam em outro duelo que será encerrado nesta terça, na Alemanha.

O único derrotado na partida desta terça-feira foi o técnico Ernesto Valverde, do Barcelona, que fica ainda mais pressionado no cargo. No último sábado, ele já havia amargado uma derrota por 3 a 1 para o Levante, fora de casa, em resultado que permitiu que Real Madrid e Real Sociedad igualassem os mesmos 22 pontos do clube catalão na liderança do Campeonato Espanhol.

Com Messi pouco inspirado, o Barcelona teve mais domínio da bola (61%) nesta terça-feira, mas construiu poucas oportunidades de gol. O craque argentino teve duas finalizações bem defendidas pelo goleiro Kolar e ainda acertou o travessão, após bela jogada. Do lado do Slavia Praga, o destaque foi o capitão Nicolae Stanciu.

Após decepcionar os seus torcedores mais uma vez, o Barça voltará a campo pela Liga dos Campeões em 27 de novembro, quando atuará no Camp Nou contra o Borussia Dortmund, pela penúltima rodada do Grupo F. No mesmo dia, o Slavia Praga receberá a Inter de Milão em solo checo.

GRUPO G 

Em outro confronto encerrado mais cedo nesta terça-feira pela Liga dos Campeões, pelo Grupo G, Zenit e RB Leipzig repetiram em São Petersburgo o bom jogo disputado entre os dois times no dia 23 de outubro, na Alemanha. E o clube alemão conseguiu mais uma vitória, desta vez por 2 a 0, e deu um importante passo para avançar às oitavas de final.

Com o triunfo, a equipe de Leipzig passou a somar nove pontos e se garantiu na liderança isolada, enquanto o time russo estacionou nos quatro pontos desta chave, que será completada ainda nesta terça com o duelo entre Lyon e Benfica, na França.

Neste reencontro na Rússia após o time alemão ter superado o adversário de São Petersburgo por 2 a 1 pela terceira rodada deste Grupo G, Diego Demme abriu o placar para os visitantes nos acréscimos do primeiro tempo, aos 49 minutos, após aproveitar um rebote de uma cobrança de falta na barreira. O chute de fora da área saiu seco, sem chances de defesa para o goleiro Mikhail Kerzhakov, que nem se mexeu.

Aos 18 da etapa final, Marcel Sabitzer foi lançado no meio da zaga. Com grande velocidade, passou por Kerzhakov e finalizou para o gol vazio para selar o 2 a 0.

No próximo dia 27, pela penúltima rodada da chave, o Zenit receberá o Lyon na Rússia, enquanto RB Leipzig atuará em casa contra o Benfica.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.