Albert Gea/Reuters
Albert Gea/Reuters

Barcelona escala reservas e só empata com lanterna, mas segue tranquilo na ponta

Time catalão visita o Huesca poupando jogadores e não consegue tirar o zero do placar

Redação, Estadão Conteúdo

13 de abril de 2019 | 13h46

Mais preocupado com a partida contra o Manchester United, nesta terça-feira, no estádio Camp Nou, pela rodada de volta das quartas de final da Liga dos Campeões da Europa, o Barcelona entrou em campo neste sábado contra o lanterna Huesca, fora de casa, com um time totalmente reserva. A falta de entrosamento dos jogadores escalados pelo técnico Ernesto Valverde teve peso decisivo e a equipe apenas ficou no empate sem gols, pela 32.ª rodada do Campeonato Espanhol.

O resultado considerado ruim contra o último colocado da tabela de classificação não altera muito a situação tranquila que o Barcelona tem como o líder da competição. O time catalão chegou aos 74 pontos e tem 12 de vantagem para o Atlético de Madrid, o segundo colocado, e 14 para o Real Madrid, em terceiro lugar. No entanto, os dois clubes da capital espanhola ainda entrarão em campo nesta rodada.

Ainda neste sábado, o Atlético de Madrid recebe o Celta, no estádio Wanda Metropolitano, em Madri. Nesta segunda-feira será a vez do Real Madrid jogar contra o Leganés como visitante, na região metropolitana da capital espanhola.

Em campo, o Huesca conseguiu equilibrar as ações por enfrentar o time reserva do Barcelona. As duas equipes produziram pouco ofensivamente e a melhor chance no primeiro tempo foi do time catalão, aos 15 minutos, quando o atacante francês Dembélé saiu na cara de Santamaría, mas deu um toque fraco e possibilitou a defesa do goleiro.

Para a segunda etapa, Valverde pediu mais ousadia para o time e duas oportunidades foram criadas logo no início com Dembélé e Malcom. Na melhor delas, aos 11 minutos, o atacante brasileiro soltou um chute forte e a bola bateu na trave. Depois, os titulares Arthur, Philippe Coutinho e Jordi Alba foram a campo, mas pouca coisa mudou.

Em outro jogo deste sábado, em Barcelona, o Espanyol derrotou o Alavés por 2 a 1, no RCDE Stadium. O resultado positivo levou o clube catalão aos 41 pontos, na 10.ª colocação da tabela de classificação. O rival, na briga por uma vaga na próxima edição da Liga Europa, é o sétimo colocado com 45 pontos - um a menos que o Valencia, que hoje estaria classificado à competição continental.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.