Cristina Quicler/AFP
Cristina Quicler/AFP

Barcelona perde para o Sevilla e se complica nas quartas da Copa do Rei

Sem Messi e com Suárez no banco, equipe catalã leva 2 a 0, com gols de Sarabia e Ben Yedder, e terá de reverter no Camp Nou

Redação, Estadão Conteúdo

23 de janeiro de 2019 | 20h41

O Barcelona visitou o Sevilla nesta quarta-feira e se complicou na luta por uma vaga nas semifinais da Copa do Rei. O time da casa aproveitou a opção de Ernesto Valverde de levar a campo uma escalação praticamente reserva e venceu por 2 a 0, dando passo importante para seguir vivo na luta pelo título.

Se na decisão da última edição do torneio o Barcelona não tomou conhecimento do adversário e goleou por 5 a 0, desta vez o Sevilla fez a festa de sua torcida. Pesou contra o time catalão a ausência de Lionel Messi, que sequer viajou com o elenco, e a presença de Luis Suárez no banco, entrando apenas no segundo tempo.

O titular no comando de ataque do Barcelona foi Kevin-Prince Boateng, surpreendentemente anunciado como reforço no início da semana. Valverde também deu oportunidade para o criticado Malcom, que perdeu grande chance no primeiro tempo após driblar o goleiro. Na etapa final, acabou substituído por Philippe Coutinho.

O começo de jogo, aliás, foi morno e a primeira chance do Barça foi a de Malcom, aos 40 minutos, após boa jogada de Arthur. Ben Yedder, em duas oportunidades, respondeu para o Sevilla, mas a falta de mira e o goleiro Cillessen impediram o gol.

O Sevilla voltou bem melhor para o segundo tempo e abriu o placar aos 12 minutos. Promes fez lindo lance pela esquerda e cruzou, Sarabia emendou de primeira, sem chances para Cillessen. Banega e Escudero quase ampliaram em seguida. A resposta do Barça só aconteceu aos 18, quando Suárez, em seu primeiro lance, jogou rente à trave.

Quando o time visitante ameaçou reagir, o Sevilla selou o triunfo. Aos 30 minutos, Banega recebeu na área pela esquerda e bateu cruzado. Ben Yedder apareceu na segunda trave e empurrou para a rede.

Líder do Campeonato Espanhol, o Barcelona agora volta as atenções para a competição, pela qual encara o Girona no domingo, fora de casa. Já o Sevilla, quarto colocado, recebe o Levante um dia antes.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.