Eddie Keogh/Reuters
Eddie Keogh/Reuters

Barcelona pretende contratar o atacante Willian, diz jornal

Com contrato perto do fim, brasileiro do Chelsea pode defender o clube catalão após o fim do ano

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de outubro de 2019 | 07h43

O Barcelona vai tentar a contratação do atacante Willian para a próxima temporada, segundo informações do jornal catalão "Mundo Deportivo". O jogador brasileiro tem contrato até o meio do ano que vem, o que pode facilitar as negociações entre o time espanhol e o atleta. Não está descartada a possibilidade de uma transferência no fim do ano, quando a janela de negociação é mais tímida. 

De acordo com o jornal espanhol, Willian está na lista de possíveis reforços feita pelo técnico Ernesto Valverde. O Barcelona poderia tentar fazer uma investida já no fim deste ano, mas precisaria negociar com o Chelsea primeiro. Caso decida esperar até junho de 2020, conseguiria contratar o brasileiro de graça. Daí a razão de o time inglês se sentar para ao menos ouvir a oferta do clube de Messi.

O namoro entre Willian e Barcelona não é algo novo. Desde 2013, quando o Barça ainda era dirigido por Pep Guardiola, o ex-atacante do Corinthians já era comentado no time azul e grená. Na época, ele estava no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, e acabou se transferindo para o Chelsea. Willian é jogador de seleão, sempre lembrado pelo técnico Tite. 

Em janeiro, o jornal inglês The Telegraph noticiou que o Barcelona ofereceu 50 milhões de libras (cerca de R$ 237,5 milhões, na época) e o atacante Malcom para contratar Willian, mas o Chelsea recusou a oferta. No clube inglês, Willian já fez 299 jogos, marcou 53 gols e conquistou três títulos (duas vezes o Campeonato Inglês e uma a Liga Europa). O jogador ainda não se manifestou sobre a possibilidade de negócio. O Chelsea é sétimo colocado no Campeonato Inglês, com 11 ponto em sete partidas.

 

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.