Daniel Teixeira/AE
Daniel Teixeira/AE

Barcos começa jogando pela Argentina no Superclássico

Em má fase no Palmeiras, atacante formará dupla com corintiano Martinez contra o Brasil

Jornal da Tarde,

19 de setembro de 2012 | 09h59

SÃO PAULO - Barcos tem vivido dias difíceis por causa da péssima situação do Palmeiras no Campeonato Brasileiro, mas na noite desta quarta-feira terá motivo para festejar. Pela primeira vez em sua carreira ele entrará em campo com a camisa da seleção argentina, já que foi escolhido pelo técnico Alejandro Sabella para formar o ataque com o corintiano Martínez.

 

No início do mês, ele foi convocado pela primeira vez. Fez parte do grupo completo, com Messi e as outras estrelas que defendem times europeus, nas partidas contra Paraguai e Peru pelas Eliminatórias para a Copa de 2014. Mas não teve chance de jogar.

 

O outro "brasileiro" escalado por Sabella é o volante Guiñazú, do Inter. Por ser o que joga há mais tempo no futebol brasileiro, ele deu uma dica importante ao treinador.

 

"É muito difícil jogar no Serra Dourada, não só porque o campo é muito grande, mas também porque a grama é alta. Se não formos um time bem compacto vamos sofrer, porque o Brasil tem jogadores com capacidade para desequilibrar."

 

Sabella teve apenas o treino de ontem à noite, realizado sem a presença da imprensa, para tentar ajustar o time. Ele trabalhou com os jogadores que atuam na Argentina durante seis dias, mas sem poder encaixar os "brasileiros" na formação.

 

A marcação forte e os contragolpes serão os trunfos para conseguir um bom resultado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.