Vítor Silva/Botafogo
Vítor Silva/Botafogo

Barroca lamenta derrota e fala em dar confiança aos jogadores do Botafogo

Alvinegro foi derrotado pelo Goiás neste domingo, fora de casa, por 1 a 0

Redação, Estadão Conteúdo

19 de maio de 2019 | 18h58

Após três vitórias consecutivas, o Botafogo voltou a perder neste domingo, quando foi batido pelo Goiás por 1 a 0, no estádio Serra Dourada, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Eduardo Barroca reconheceu o futebol abaixo do esperado apresentado pelo time.

Barroca disse que mesmo após a vitória sobre o Fluminense (1 a 0), na última semana, enfatizou que o desempenho ainda não era o esperado pela comissão técnica. E neste domingo o elenco voltou a mostrar que ainda necessita de regularidade e, principalmente, confiança em campo, na sua avaliação.

"Mesmo após a terceira vitória consecutiva eu avisei que ainda estávamos longe do ideal. Claro que vencer é muito bom, mas entendemos que falta muita coisa para almejarmos algo na competição. Temos que absorver este golpe. Sabemos que precisamos melhorar", disse o treinador, na entrevista coletiva após o jogo.

Barroca enfatizou que, agora, o elenco deve entender o momento e saber da importância de um bom resultado pela Copa Sul-Americana - o time enfrentará o Sol de América, do Paraguai, quarta-feira, às 19h15, em Assunção. "É muito importante virar o chip neste momento. Agora é dar confiança e recuperar o elenco para este duelo importante da Sul-Americana", finalizou.

O Botafogo viaja ao Paraguai para o duelo de quarta-feira e volta a campo pelo Brasileirão no sábado, quando receberá o Palmeiras, no Mané Garrincha, em Brasília. A delegação vai viajar direto de Assunção para Brasília. O time é o sétimo colocado no Brasileirão, com nove pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.