Barueri vence Noroeste e fica perto do Título do Interior

Equipe de Barueri pode até perder por um gol de diferença que será o campeão; prêmio é de R$ 250 mil

Redação,

26 de abril de 2008 | 20h19

O Barueri deu um grande passo para conquistar o Título do Interior do Campeonato Paulista ao vencer o Noroeste, por 2 a 1, neste sábado à noite, no Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru. Agora, no jogo da volta, no próximo sábado na Arena Barueri, o time da Grande São Paulo pode até perder por um gol de diferença para ser campeão e faturar o prêmio de R$ 250 mil oferecido pela Federação Paulista de Futebol (FPF).Na verdade, o Barueri entrou em campo favorecido pelos dois resultados iguais ou igualdade em pontos e gols. Isso por ter a melhor campanha na temporada. Em campo, a vitória do Barueri foi merecida. Jogando um futebol simples, o visitante aproveitou os contra-ataques. O Noroeste, mais uma vez, pecou nas finalizações, errando muito em momentos decisivos.Aos 31 minutos, o time visitante abriu o placar. Após cobrança de falta rápida, Marcos Pimentel recebeu nas costas da zaga, cortou para o pé esquerdo e chutou sem chances para Fabiano. Atrás no placar, o Noroeste correu atrás do prejuízo, tentando o empate. Perdeu duas boas chances antes de empatar aos 41 minutos. Após boa jogada pela esquerda, Vandinho disparou e tocou para Leandro, que ficou na cara do goleiro e fuzilou: 1 a 1. Assim como na primeira etapa, o Noroeste pressionou para sair em vantagem de campo. No entanto, o Barueri era perigoso nos contra-ataques, sempre chegando próximo da meta de Fabiano. Depois de desperdiçar algumas chances, o Noroeste deu o segundo gol para o Barueri. Éder Monteiro falhou, furando na hora do corte. A bola ficou com Fernando, que ameaçou cruzar, mas chutou direto. Fabiano não segurou e a bola entrou mansinha. Noroeste 1 x 2 BarueriNoroeste - Fabiano; Edylton (Borebi), Éder Monteiro, Alexandre Luz e Leandro Soares (Giovani); Júlio, Marcelo Santos, Danilo Dias (Éder Grilo) e Edno; Vandinho e Leandrinho. Técnico: Márcio Bittencourt.Barueri - Renê; Ávalos, Diego e Renato Santos; Marcos Pimentel, Max Carrasco, Leanderson (Amaral), Flávio (Júlio César) e Márcio Careca; Fernando (Guigov) e Alberto. Técnico: Émerson Ávila.Árbitro - José Henrique de CarvalhoCartões amarelos - Renê, Marcos Pimentel, Márcio Careca, Diego, Flávio, Márcio Carrasco, Júlio, Edno, Leandro e Marcelo Santos. Renda e público - não disponíveis. Local - Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.