Bayer goleia na prorrogação e decide Copa da Alemanha

O Bayer Leverkusen precisou da prorrogação nesta terça-feira para conquistar a vaga na final da Copa da Alemanha. Após o empate por 1 a 1 com o Mainz no tempo regulamentar, o time dos brasileiros Henrique, ex-Palmeiras, e Renato Augusto, ex-Flamengo, deslanchou no tempo extra e goleou por 4 a 1. Agora, o Bayer espera o vencedor da outra semifinal, que será disputada nesta quarta, entre Hamburgo e Werder Bremen.

AE, Agencia Estado

21 de abril de 2009 | 19h06

O placar na partida disputada em Dusseldorf só foi aberto aos 37 minutos do segundo tempo, quando o grego Charisteas marcou para o Bayer. O empate do Mainz, que briga pelo acesso na segunda divisão alemã, veio já aos 44, com Bance. No tempo extra, o time de Leverkusen definiu o jogo ainda na primeira etapa, graças aos gols de Vidal e Rolfes. No segundo tempo da prorrogação, Kadlec fez o seu e fechou o placar por 4 a 1.

A classificação à final da Copa da Alemanha serve com uma compensação para a torcida do Bayer Leverkusen, que vê o time apenas na nona posição do Campeonato Alemão. A equipe não conquista a competição desde 1993, quando obteve o seu único título no torneio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.