Clemens Bilan/ EFE
Clemens Bilan/ EFE

Bayern de Munique fica apenas no empate, mas retoma a ponta do Campeonato Alemão

Equipe bávara agora está empatada em número de pontos com o RB Leipzig

Redação, Estadão Conteúdo

12 de dezembro de 2020 | 17h20

O Bayern de Munique empatou neste sábado contra o Union Berlin por 1 a 1, em Berlim, em partida válida pela 11.ª rodada do Campeonato Alemão. Apesar de não conseguir a vitória fora de casa, a equipe do técnico Hans-Dieter Flick retoma a liderança do torneio com 24 pontos, por causa do maior saldo de gols (18 a 14) em relação ao RB Leipzig, que havia vencido mais cedo e tomado, provisoriamente, a primeira posição.

O maior campeão do Campeonato Alemão teve um desempenho aquém das expectativas em campo. O Union Berlin aproveitou e abriu o placar logo aos quatro minutos do primeiro tempo. Após escanteio cobrado pelo lado esquerdo, o meia Grischa Prömel cabeceou da primeira trave e surpreendeu o goleiro Manuel Neuer, que só olhou a bola cruzar toda a pequena área e entrar no seu canto esquerdo.

A reação do Bayern de Munique se deu apenas na metade do segundo tempo, quando o atacante polonês Robert Lewandowski, que disputa o posto de melhor jogador do mundo pela Fifa, empatou a partida. Coman fez linda jogada pela esquerda, deixou dois marcadores para trás e tocou para Lewandowski, que só empurrou para o gol.

Foi o 13° gol do polonês em 10 dos 11 jogos que disputou pelo Bayern de Munique no Campeonato Alemão. É o artilheiro isolado, três à frente do norueguês Haaland, do Borussia Dortmund. Desde o meio da temporada retrasada, em outubro de 2018, o atacante não fica mais de três partidas sem marcar, no clube ou seleção polonesa.

Com a igualdade, o Union Berlin ficou na oitava posição com 16 pontos, tendo como próximo jogo o confronto contra o Stuttgart, fora de casa, nesta terça-feira, pela 12.ª rodada. Já o líder Bayern de Munique encara o Wolfsburg, na Allianz Arena, em Munique, na quarta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.