Bayern e Bremen seguem luta pela liderança do alemão

Quem também está de olho na disputa é o Schalke 04, que enfrenta nesta sexta-feira o Wolfsburg

Efe,

15 de fevereiro de 2008 | 10h56

Depois do empate entre Bayern de Munique e Werder Bremen, no último domingo, as duas equipes voltam a brigar pela liderança do Campeonato Alemão, com a disputa da 20.ª rodada neste fim de semana. Veja também: Calendário / Resultados O Bayern dos brasileiros Zé Roberto, Breno e Lúcio lidera a tabela com 40 pontos e visitará domingo o Hannover 96. Já o Werder Bremen, de Naldo e Diego, recebe sábado o Nuremberg e torce para que o adversário tropece, pois tem 37. Mas as duas equipes não podem se dar ao luxo de perder mais pontos, já que há um novo "intruso" na luta pelo título: o Schalke 04 de Bordon, Rafinha, Zé Roberto e Kevin Kuranyi, que abre a rodada nesta sexta-feira contra o Wolfsburg, em casa. A equipe está na terceira posição, a apenas cinco pontos do Bayern - que, após um início de temporada arrasador, vai deixando os outros encostarem. O próprio diretor esportivo do Bayern, Uli Hoeness, já admitiu que há cinco times que brigam pelo título: além dos três primeiros, ele acrescenta Bayer Leverkusen e Hamburgo, ambos a seis pontos de sua equipe. Muito da recente queda de rendimento do Bayern se deve à lesão do meia francês Franck Ribery, que sofreu um estiramento muscular na partida contra o Hansa Rostock e ficará mais duas semanas sem jogar. Sem Ribery, o Bayern passa a jogar de forma muito mais previsível para os adversários. Seu substituto, Bastian Schweinsteiger, parece sentir o peso da responsabilidade. Neste domingo, o técnico Ottmar Hitzfeld deve apostar no jovem Toni Kross, uma das grandes promessas do futebol alemão. O Hannover 96 é o oitavo colocado da tabela, com 29 pontos. Já o Werder Bremen vai a campo enfrentar um adversário mais fácil: o Nuremberg, vencedor da última Copa da Alemanha e que faz campanha desastrosa - é o antepenúltimo colocado, com 16 pontos. No início da semana, a diretoria anunciou a troca do técnico Hans Meyer por Thomas von Hessen. Além do título, a equipe terminou na sexta colocação do último Alemão, a melhor nos últimos 20 anos. Neste sábado, o Bayer Leverkusen, quarto na tabela, visita o recém-promovido Karlsruher, atual sexto colocado e grande surpresa do torneio. Enquanto o Bayer quer manter a quarta posição, o Karlsruher se permite não só sonhar com a fuga do rebaixamento, mas também lutar por uma vaga na Copa da Uefa. Quem também está com os mesmos 34 pontos do Bayer é o Hamburgo, que pega o Bochum, 11.º colocado, no domingo, já sabendo do resultado de seu adversário direto.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Alemão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.