Bayern faz 2 a 0 no Arsenal em Londres e abre vantagem

Equipe inglesa tem goleiro expulso ainda no primeiro tempo

Agência Estado

19 de fevereiro de 2014 | 18h57

LONDRES - Apontado como favorito ao bicampeonato da Liga dos Campeões da Europa, o Bayern de Munique deu nesta quarta-feira mais uma prova de sua força. Mesmo jogando no Emirates Stadium, em Londres, ganhou do Arsenal por 2 a 0 e abriu boa vantagem no confronto válido pelas oitavas de final do torneio. Agora, pode até perder em casa no jogo de volta, marcado para o dia 11 de março, para conseguir avançar.

Apesar da desvantagem, o Arsenal mantém a esperança de classificação. Mesmo porque, tem como referência o confronto com o mesmo Bayern na temporada passada, quando eles também se encontraram nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Na ocasião, o time inglês perdeu em Londres por 3 a 1, mas se reabilitou na Alemanha e venceu na volta por 2 a 0, sendo eliminado apenas no critério do gol fora.

Dessa vez, o Arsenal teve a chance de sair na frente. Mas o pênalti batido pelo meia Özil foi defendido pelo goleiro Neuer logo aos oito minutos. Ainda no primeiro tempo, o Bayern também desperdiçou ótima oportunidade de gol, no pênalti cobrado pelo lateral-esquerdo Alaba aos 40, que bateu na trave e saiu - ao cometer a falta em Robben dentro da área, o goleiro Szczesny foi expulso.

Aí, com um jogador a menos em campo, a situação ficou complicada para o Arsenal. O Bayern, então, jogou como seu treinador, o espanhol Pep Guardiola, gosta: controlando as ações, teve 73% de posse de bola. Assim, o time alemão construiu a importante vitória no segundo tempo, quando marcou seus dois gols, ambos em passes do lateral/volante Lahm, que é o capitão do atual campeão europeu.

Aos nove minutos, Lahm só rolou para Kroos acertar um belo chute, da entrada da área, e abrir o placar para o Bayern. Depois, já aos 43, ele deu cruzamento preciso para Thomas Müller, sozinho no meio da defesa do Arsenal, cabecear com estilo, sem chance de defesa para o goleiro Fabianski. Assim, o time de Munique deixou Londres com uma boa vantagem para ir às quartas de final da Liga dos Campeões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.