Michaela Rehle/Reuters
Michaela Rehle/Reuters

Bayern volta a jogar bem e arrasa Hamburgo por 8 a 0 pelo Alemão

Equipe visitante sofre a sua pior goleada na história da competição, enquanto time da Baviera finalmente volta aos seus melhores dias

Estadão Conteúdo

14 de fevereiro de 2015 | 14h44

Depois de um começo irregular em 2015, o Bayern de Munique finalmente parece ter voltado aos seus melhores dias. Pior para o Hamburgo, que foi à Baviera e acabou humilhado neste sábado, goleado por 8 a 0 pela 21.º rodada do Campeonato Alemão. Foi a segunda vitória seguida dos donos da casa, que haviam perdido uma e empatado outra desde a volta da competição após a virada do ano.

A fase irregular não acabou com o conforto do Bayern na liderança do Alemão. A equipe tem 52 pontos, oito a mais que o Wolfsburg, segundo colocado. De quebra, a equipe ganhou ânimo para o duelo diante do Shakhtar Donetsk na terça-feira, na Ucrânia, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. O Hamburgo, por sua vez, sofreu sua pior goleada na história da competição nacional e estacionou nos 23 pontos, em 12.º.

O Bayern mostrou-se superior desde o início, mas o primeiro gol só saiu de pênalti aos 22 minutos, com Thomas Müller. Dois minutos depois, Mario Gotze ampliou. Foi aí que começou o show de Arjen Robben. Aos 36, ele arrancou pela direita, deu seu corte característico no zagueiro e bateu colocado, no ângulo direito do goleiro.

Robben também faria o quarto do Bayern, logo no início do segundo tempo. Desta vez com o pé ruim, de direita, aproveitando erro do goleiro. O holandês estava impossível e só não fez mais um pouco depois, após driblar três defensores, porque desta vez Drobny fez boa defesa.

Aos 10, no entanto, o goleiro nada pôde fazer. Em chute de longe, Thomas Müller também acertou o ângulo e ampliou. Um minuto depois, foi a vez de Lewandowski deixar sua marca, após passe perfeito de Müller. O dia foi tão ruim para o Hamburgo que até a arbitragem atrapalhou, anulando o gol de honra da equipe com um impedimento mal marcado.

Se os visitantes não conseguiam chegar ao gol, o Bayern seguia impetuoso e chegaria ao sétimo com Ribery, aos 24, aproveitando rebote do goleiro. Quando parecia que não podia ficar pior para o Hamburgo, foi a vez de Mario Gotze acertar outro lindo chute de longe para selar o atropelamento.

OUTROS RESULTADOS

Se o Bayern atropelou, o vice-líder Wolfsburg teve muita dificuldade, mas arrancou uma impressionante vitória sobre o Bayer Leverkusen em jogo eletrizante. Foram nove gols em 90 minutos, sendo o último já nos acréscimos, que deu a vitória ao Wolfsburg por 5 a 4, mesmo fora de casa.

Bas Dost foi o grande herói do triunfo, marcando quatro gols, incluindo o da vitória. O resultado levou o Wolfsburg a 44 pontos, ainda sonhando com o título. Pelo Leverkusen, de nada adiantou a reação da equipe, que chegou a estar perdendo por 3 a 0 e, depois, por 4 a 2. A derrota manteve-a com 32 pontos, na sexta posição.

Nas outras partidas do sábado pelo Alemão, destaque para a vitória do terceiro colocado Borussia Mönchengladbach por 1 a 0 sobre o Colônia. O Hoffenheim recebeu o Suttgart e afundou o adversário, ao vencer por 2 a 1. Já o Werder Bremen derrotou o Augsburg, em casa, por 3 a 2.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.