Bebeto de Freitas deixa diretoria do Atlético-MG

O Atlético-MG confirmou nesta terça-feira que Bebeto de Freitas deixou o cargo de diretor-executivo do clube. O dirigente alegou, por meio da assessoria do time, problemas pessoais para tomar a decisão.

AE, Agencia Estado

18 de agosto de 2009 | 14h25

O Atlético-MG avisou que o afastamento de Bebeto de Freitas não é temporário, mas ainda não definiu um nome para substituí-lo no cargo.

Bebeto de Freitas, que havia assumido o cargo no final do ano passado após a eleição de Alexandre Kalil para a presidência do Atlético-MG, vivia a sua segunda passagem como dirigente do clube. Ele já tinha desempenhado a mesma função entre 1999 e 2001, também ao lado de Kalil.

Após deixar o Atlético-MG em sua primeira passagem, Bebeto de Freitas foi para o Botafogo, o qual assumiu a presidência em 2003 e cumpriu mandato por três anos. Reeleito em 2006, o dirigente festejou os títulos da Taça Guanabara e do Campeonato Carioca de 2006, além da Taça Rio de 2007.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.