Mauri Ratilainen/EFE
Mauri Ratilainen/EFE

Beckham deixa hospital na Finlândia após cirurgia

Apesar da operação ter sido bem sucedida, meia não defenderá a seleção inglesa na Copa da África

AE-AP, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 10h06

O inglês David Beckham e sua esposa, Victoria, deixaram nesta quarta-feira o hospital em que o jogador foi internado, em Turku, na Finlândia, para passar por uma cirurgia no tendão de Aquiles do seu pé esquerdo, rompido durante partida do Milan pelo Campeonato Italiano no último domingo.

Por causa da séria lesão, Beckham teve sua presença na próxima Copa do Mundo descartada pelo cirurgião Sakari Orava, que fixou um prazo de cerca de seis meses de recuperação para o jogador. O Mundial começa daqui menos de 90 dias, em 11 de junho, na África do Sul.

Dezenas de fãs se acotovelaram e gritaram quando Beckham e Victoria entraram em um carro que os esperava do lado de fora do hospital em Turku. Escoltado por duas viaturas da polícia, o casal seguiu direto para o aeroporto local.

Beckham passou pela cirurgia na última segunda-feira e irá iniciar um programa de reabilitação elaborado pela equipe do cirurgião Sakari Orava, que já operou outras estrelas do esporte internacional e confirmou a previsão inicial de seis meses de recuperação.

"É difícil dizer, mas geralmente eu posso afirmar que, após um rompimento total do tendão, pessoas normalmente voltam ao esportes dentro de meio ano", ressaltou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.