Beckham descarta aposentadoria e parte para última Copa

O capitão da seleção inglesa, David Beckham, disse que não pensa em aposentadoria, apesar de que está consciente de que possivelmente esteja para disputar sua última Copa do Mundo. "Nos últimos três anos, estive ausente em muito poucos jogos da seleção e me sinto parte dela", afirmou o jogador do Real Madrid, de 31 anos, em entrevista à revista esportiva alemã Kicker. "Sou o capitão da equipe há cinco anos e continuarei sendo enquanto for possível, independentemente do que digam ex-jogadores ou a imprensa".Com relação à sua participação no Mundial de 2010, na África do Sul, Beckham disse que tudo dependerá de suas condições físicas na ocasião e se o então treinador achar que vale a pena chamá-lo. No entanto, ele acha que esta será sua última Copa.O meio-campo acredita que a Inglaterra é uma das favoritas ao título na Alemanha, mas pensa em uma ou duas possibilidades de surpresas - que ele não revela, "porque quase sempre erro minhas previsões".Com relação à convocação do jovem Theo Walcott, de apenas 17 anos, Beckham reconheceu que a escolha do técnico Sven-Goran Eriksson foi uma surpresa, "até mesmo para nós, os demais jogadores". O capitão admitiu que, até se encontrarem na concentração, somente conhecia Walcott por vídeos - mas ressaltou que se trata de um "talento excepcional".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.