Beckham elogia atuação da seleção e entrada de Rooney

Depois da sofrida vitória sobre Trinidad e Tobago por 2 a 0, a maior estrela da seleção inglesa, David Beckham, exaltou a persistência da sua equipe para conseguir o segundo triunfo e a classificação antecipada às oitavas-de-final da Copa do Mundo da Alemanha."Achavam que íamos passear nesta partida, mas eles (Trinidad e Tobago) jogaram com onze atrás. Mas nós nunca desistimos. Esta é a mensagem que sempre tentamos passar", comentou o meia do Real Madrid. "Sabíamos que não ia ser fácil, mas que venceríamos se mantivéssemos nosso plano de jogo. O melhor de tudo é que terminamos a partida com força", completou.Eleito o melhor em campo pela Fifa, Beckham fez as assistências paras os dois gols do britânicos, anotados por Peter Crouch e Steven Gerrard. Ele também fez questão de elogiar a decisão do técnico Sven-Goran Eriksson de colocar Wayne Rooney em campo no segundo tempo. O atacante ficou sem jogar por 47 dias devido a uma lesão no pé direito. "O treinador fez boas substituições e passamos a pressionar mais. Sabemos que podemos melhorar e só precisamos provar em campo. Ainda não se viu o nosso melhor", analisou o capitão.Eriksson também falou sobre a entrada de Rooney no jogo. "Tenho que dizer que fico encantado como joga o Wayne Rooney. Estou muito contente de que ele esteja em boas condições", disse o sueco. "É óbvio que ele não está 100%, mas porque não joga há seis semanas. Estes 30 minutos (em que o jogador atuou) foram muito importantes e espero que ele melhore a cada partida", acrescentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.