Christian Hartmann/Reuters
Christian Hartmann/Reuters

Bélgica tem treino animado e parabéns ao técnico Roberto Martínez por aniversário

Equipe se despediu do estádio Guchkovo, na cidade de Dedovsk, perto de Moscou, onde se concentrou e treinou durante a Copa

Estadão Conteúdo

13 Julho 2018 | 11h10

Apesar da eliminação da Copa do Mundo, sofrida na última quarta-feira, o elenco da Bélgica se animou no treino realizado nesta sexta-feira, data do aniversário de 45 anos do técnico espanhol Roberto Martínez. A seleção vai enfrentar a Inglaterra às 11 horas (de Brasília) deste sábado, em São Petersburgo, em disputa pelo terceiro lugar do Mundial.

+ Seleção só ganha quando sua federação é profissional, alerta Infantino

+ Vitória contra a Inglaterra valerá a cada jogador da Bélgica R$ 1,4 milhão

+ Com todos à disposição, Inglaterra faz último treino antes de encarar a Bélgica

O treino da seleção belga durou cerca de uma hora e meia e contou com um corredor organizado pelos jogadores para parabenizar Martínez. Os belgas se despediram das instalações do estádio Guchkovo, na cidade de Dedovsk, nos arredores de Moscou, onde a delegação se concentrou e treinou durante a disputa da Copa do Mundo.

Jogadores e comissão técnica já viajaram a São Petersburgo e ainda nesta sexta-feira será concedida a entrevista coletiva de Martínez e do meio-campista Axel Witsel na Arena Zenit, estádio onde a partida contra a Inglaterra será realizada.

Na primeira fase, pela terceira rodada, a Bélgica venceu os ingleses por 1 a 0 e garantiu o primeiro lugar no Grupo G. O duelo aconteceu em Kaliningrado, no dia 28, e contou com muitos reservas escalados pelos treinadores, pois as duas equipes já estavam classificadas para as oitavas de final.

 

Já está programada para a delegação belga uma recepção calorosa no retorno ao país, no domingo, em Bruxelas, para comemorar a melhor campanha da seleção em uma Copa do Mundo. A Bélgica vai terminar pelo menos em quarto lugar, posição do que o time de 1986 conquistou no segundo Mundial disputado no México.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.