Benazzi escala 3 volantes em São Paulo

Não perder pontos. Esse é o primeiro objetivo do Criciúma, no jogo desta quinta-feira, contra o São Paulo, no Estádio do Morumbi, pela segunda rodada do returno do campeonato brasileiro. Para evitar a derrota, o técnico Vagner Benazzi escalou três volantes. O time tem quatro desfalques para o jogo e o principal deles é o meia atacante Fernandinho, principal articulador das jogadas de ataque, que vai cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo, que recebeu no jogo do último domingo, contra o Vasco, quando fez o único gol da partida. A saída do principal jogador da equipe, Fernandinho, abriu a primeira perspectiva para Benazzi armar sua retranca: Genalvo, um volante de contenção foi escalado. O treinador, sem poder contar com os dois principais atacantes do grupo - Vagner Carioca, que teve entorse de tornozelo, e Fábio Oliveira, com uma contusão na coxa - adiantou Athos, e escalou Marcinho para completar a meia cancha. Com essas opções o setor intermediário do Criciúma terá cinco homens. Alex e Luciano Almeida, os dois laterais, terão como primeira missão guardar a posição e só atacar em condições favoráveis. Marcos Denner, com isso, deve ser o único atacante de ofício do time. Apesar da estrutura defensiva, o Criciúma se preparou para surpreender o adversário em contra ataques velozes. "Não podemos ficar todo o tempo lá atrás e temos um grupo que sabe sair em velocidade e podemos surpreender", disse o goleiro Fabiano, que terá a função de orientar o zagueiro Leonardo, 19 anos, que vai substituir Duílio, o titular da posição, que teve lesão muscular e deve ficar cerca de 30 dias fora, segundo previsões dos médicos do clube, com base em exame de ressonância magnética. O "prata-da-casa" Douglas, 21 anos, acompanha a delegação e pode ser negociado ao São Paulo. O jogador, atacante pela esquerda, trabalhou com o técnico Cuca, no Criciúma, em 2002 e estaria nos seus planos. No coletivo apronto de hoje pela manhã, Douglas substituiu Marcinho, foi chamado para longa conversa com o treinador e deve ser aproveitado no decorrer da partida no Morumbi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.